Tocha olímpica vai descer pelo teleférico

A passagem da tocha olímpica por um dos principais pontos turísticos da cidade foi o único trecho definido pelo governo municipal durante reunião com comitê olímpico
terça-feira, 28 de julho de 2015
por Alerrandre Barros
Tocha olímpica vai descer pelo teleférico (Arquivo)
Tocha olímpica vai descer pelo teleférico (Arquivo)
O maior símbolo dos jogos olímpicos chegará a Nova Friburgo ano que vem por uma das cadeirinhas do teleférico do Suspiro. A data, no entanto, ainda não foi definida. A passagem da tocha olímpica por um dos principais pontos turísticos da cidade foi o único trecho definido pelo governo municipal durante reunião com um representante do Comitê das Olimpíadas Rio 2016, na manhã desta terça-feira, 28, na Prefeitura.

O que ficou definido na reunião é que a tocha passará pela Rua General Osório, vai subir pela Rua Silvio Henrique Braune e descer pelo teleférico

Renato Satyro

 “Nós ainda não podemos divulgar a rota oficial da tocha por questões de segurança, mas já temos uma previsão de que o percurso terá cerca de 12 quilômetros. O que ficou definido na reunião é que a tocha passará pela Rua General Osório, vai subir pela Rua Silvio Henrique Braune e descer pelo teleférico”, adiantou o secretário municipal de Esportes e Lazer, Renato Satyro. 

Além do trajeto que a tocha fará pela cidade, o grupo formado pelo governo municipal para organizar o evento recebeu orientações do gerente regional do Comitê Rio 2016, Conrado Pereira, sobre as mudanças no trânsito e a montagem da estrutura para o revezamento. No dia em que a tocha passar pela cidade, a Prefeitura fiscalizará tentativas do chamado “marketing de emboscada”, uma estratégia que consiste em tirar proveito publicitário invadindo um evento ou espaço de um veículo de comunicação sem amparo contratual com os detentores do direito. No revezamento da tocha, somente os patrocinadores oficiais poderão divulgar suas marcas. Também ficou definido durante o encontro que a tocha será conduzida por pessoas comuns e por personalidades de Friburgo. 

“Cada pessoa carregará a tocha por cerca de 200 metros. A maioria dos condutores será escolhida através de promoções realizadas pelas três empresas patrocinadoras do revezamento, que levarão em conta a relação dessas pessoas com a cidade. A Prefeitura também deve sugerir que personalidades friburguenses, com forte atuação nas áreas cultural, social e esportiva, conduzam a tocha. Todos os escolhidos devem ter uma relação profunda com Friburgo”, salientou o secretário. Renato Satyro ainda disse que outra reunião com o comitê foi agendada para outubro. 

Pira olímpica em Friburgo
A festa de revezamento da tocha olímpica ainda não tem data, mas deverá ocorrer na última semana de julho de 2016, na Via Expressa, em Olaria. Segundo a organização do evento, no local será montada uma estrutura para a apresentação de shows de artistas regionais e o momento principal: o acendimento da pira olímpica. Os eventos serão apresentados em um caminhão-palco.

A jornada da tocha olímpica começa em maio de 2016, na Grécia, onde o símbolo será aceso em Olímpia, cidade-berço das Olimpíadas. Depois, a tocha viajará uma semana por cidades gregas até chegar à capital Atenas. De lá, a tocha seguirá direto para o Brasil num avião. Em solo nacional, o fogo olímpico percorrerá um amplo circuito, definido com base em critérios logísticos, turísticos e culturais. A tocha olímpica vai percorrer cerca de 300 cidades brasileiras até agosto de 2016, quando chegará ao Rio de Janeiro para a cerimônia de abertura do megaevento esportivo no Maracanã. 

O roteiro da chama inclui todas as capitais estaduais e municípios de interesse turístico como Nova Friburgo. A cidade é uma das 82 onde haverá pernoite da tocha, conforme divulgado em recente cerimônia onde também foi apresentada a versão do símbolo para as Olimpíadas Rio 2016.

Rota prevista para a Tocha Olímpica
Apesar de o percurso da tocha olímpica ainda não ter sido definido, a subsecretaria de Comunicação informou no final da tarde desta terça-feira, 28, que uma rota foi proposta pela Prefeitura durante reunião com o representante da Rio2016. “O início do percurso da tocha seria na Ponte da Saudade e seguiria para o Centro pelas ruas Mac Niven, Moisés Amélio e Avenida Alberto Braune. A tocha seguiria então pela Praça Getúlio Vargas com destino ao trevo de Duas Pedras. O comboio retornaria pela Rua Prudente de Morais e General Osório até a Praça do Suspiro, onde aguardaria o condutor com a tocha que desceria pelo teleférico. O trajeto continuaria pela Avenida Galdino do Vale, passaria pelo Paissandu e seguiria pela Avenida Julius Arp até a Via Expressa, em Olaria”, informa a nota. 

  • A jornada da tocha olímpica começa em maio de 2016, na Grécia, onde o símbolo será aceso em Olímpia, cidade-berço das Olimpíadas

    A jornada da tocha olímpica começa em maio de 2016, na Grécia, onde o símbolo será aceso em Olímpia, cidade-berço das Olimpíadas

  • O gerente regional do Comitê Rio 2016, Conrado Pereira, orientou o grupo de trabalho que organizará o revezamento da Tocha Olímpica em Nova Friburgo

    O gerente regional do Comitê Rio 2016, Conrado Pereira, orientou o grupo de trabalho que organizará o revezamento da Tocha Olímpica em Nova Friburgo

  • A jornada da tocha olímpica começa em maio de 2016, na Grécia, onde o símbolo será aceso em Olímpia, cidade-berço das Olimpíadas

    A jornada da tocha olímpica começa em maio de 2016, na Grécia, onde o símbolo será aceso em Olímpia, cidade-berço das Olimpíadas

  • A jornada da tocha olímpica começa em maio de 2016, na Grécia, onde o símbolo será aceso em Olímpia, cidade-berço das Olimpíadas

    A jornada da tocha olímpica começa em maio de 2016, na Grécia, onde o símbolo será aceso em Olímpia, cidade-berço das Olimpíadas

TAGS: olimpíadas | Tocha Olímpica | trajeto | Teleférico | Praça do Suspiro