Subsecretaria de Bem-Estar Animal promove campanha de adoção de Natal

Cerca de 80 cãezinhos aguardam na Estação Livre neste sábado serem levados para um lar
sexta-feira, 07 de dezembro de 2018
por Paula Valviesse (paula@avozdaserra.com.br)
A cadelinha de rua que teve um fim trágico no Carrefour de Osasco (Reprodução da web)
A cadelinha de rua que teve um fim trágico no Carrefour de Osasco (Reprodução da web)

A Prefeitura de Nova Friburgo, por meio da Subsecretaria do Bem-Estar Animal (Ssubea), realiza neste sábado, 8, a última campanha de adoção de deste ano. O evento será das 10h às 16h, na Estação Livre (antiga rodoviária urbana), na Praça Getúlio Vargas. Essa é a 9ª edição da feira, que neste mês traz a temática do Natal, e a expectativa da subsecretária, Monique Malhard, é de que estejam disponíveis para adoção cerca de 80 cãezinhos.

Com a campanha, a Ssubea busca incentivar as pessoas que desejam mais que um presente, mas um companheiro para alegrar esse período festivo: “Última chamada do ano. Neste sábado você terá a oportunidade de encontrar um presente assim: que irá te encher de amor, carinho e alguns pelinhos na roupa”, anuncia a subsecretaria.

Assim como nas edições anteriores, os cãezinhos disponíveis para adoção estão atualmente cuidados em abrigos e por grupos de proteção. Ainda segundo Monique, a feira tem contribuído para que os peludinhos não só de Nova Friburgo, mas também de municípios vizinhos, encontrem um lar: “Nossa expectativa nesta 9ª edição é a melhor possível. Organizamos essa campanha de adoção e desde a primeira feira deu muito certo. Cada vez mais pessoas nos procuram para levar os animais que resgatam para serem adotados, e temos contribuído com toda a região”, afirma a subsecretária.

Os cãezinhos adotados já saem com seus novos donos vacinados e microchipados, por meio da participação voluntária da veterinária da Ssubea. Para ser um candidato a adoção é preciso apresentar um documento de identidade, com foto, e o comprovante de residência. Os interessados passam por uma entrevista, onde é verificada a possibilidade de atender esses lindos peludinhos com muito amor e cuidados. Depois disso é feito o cadastro e então o sortudo companheiro de quatro patas ganha seu microchip, através do qual é possível saber seus dados, como identificação dos donos e data que foi adotado.

Os cães com mais de seis meses já são castrados, uma ação realizada pela própria subsecretaria, quanto aos filhotes é feita a orientação para que seja feita a castração quando passarem dos cinco meses de vida. Para Monique, ao longo do ano, a campanha mostrou que existem muitas pessoas responsáveis, que desejam a adoção e que se sentem motivadas a isso pelo trabalho desenvolvido: “Na última campanha nós tivemos um recorde de adoções. Claro que o número não é o nosso foco, nosso objetivo é encontrar um lar feliz para esses peludinhos. Mas mesmo com todo o rigor aplicado para que seja feita a adoção, é bom ver que o interesse da pessoas só cresce. Estamos contentes com esse resultado e ano que vem continuaremos a campanha”, conclui a subsecretária.

 

TAGS: pets