Sócios do Country elegem membros do novo Conselho Deliberativo

Grupo assume posição para o próximo biênio. Eleição de chapa única aconteceu neste domingo
segunda-feira, 30 de outubro de 2017
por Jornal A Voz da Serra
O presidente reeleito, Roosevelt Concy, deposita seu voto (Divulgação)
O presidente reeleito, Roosevelt Concy, deposita seu voto (Divulgação)

Foram eleitos neste domingo, 29, os 20 sócios que farão parte do Conselho Deliberativo do Nova Friburgo Country Clube nos próximos dois anos. A eleição aconteceu durante todo o dia nas dependências do clube, que registrou mais de 500 visitas e 209 eleitores, entre eles sócios como o deputado estadual Comte Bittencourt e o contador Luiz Fernando Bacchini (fotos abaixo). Cada sócio votante pôde escolher três nomes para compor o time de conselheiros.

Os eleitos para o Conselho Deliberativo do biênio 2018/2019 são:

  • Adriani Evaristo Monteiro
  • Daniel Lage Vieira Oliveira
  • Claudio Alda Camillo de Almeida
  • Carlos Eduardo de Macedo Soares (Dado)
  •  Attila Pereira Gomes de Mattos Neto
  • Rogerio Faria
  • Osvaldo Antonio Lucho Junior
  • Braulio Rezende Filho
  • Monica Trigo Ruiz
  • Augusto Hasegawa Kassuga
  • Alexandre Martins Folly
  • Jairo Wermelinger Araujo
  • Jose Antonio Rezende
  • Julio Cesar Barbosa Lessa
  • Giuseppe Giovani Lomanto
  • Carlos Roberto Thuler de Amaral
  • Ronaldo Lo Bianco
  • Leandro Monnerat Celes (Alemão da Yamaha)
  •  Antonio Carlos de Souza
  • Joilson Wermelinger Araujo

O conselho atuará sob a presidência de Roosevelt Concy, que este ano participou de um cenário quase inédito na história das eleições da entidade: o de chapa única. Atual presidente do conselho diretor, Roosevelt foi escolhido por unanimidade para dar continuidade ao trabalho exemplar que já vem desenvolvendo há dois anos. Para os associados, o fato expressa o momento de tranquilidade, eficiência e equilíbrio de contasque o clube vem atravessando. “Uniram-se todas as correntes e tendências que em tempos passados disputaram eleições acirradas e que, em alguns casos, deixaram traços de cisão entre sócios e amigos”, divulgou o clube na última semana.

“Navegando nesse mar de tranquilidade, a nave foi e vai ser direcionada para que em breve o clube possa ter todas as suas obras ultimadas, possibilitando que num futuro próximo, não haja necessidade de despesas de maior vulto, passando a administrar tão somente a manutenção do excepcional patrimônio do clube”, ressaltou Roosevelt.

Com as contas rigorosamente em dia e equilíbrio econômico-financeiro, o clube - referência na cidade - vem, desde 2010, sendo administrado com o objetivo maior de prestigiar o quadro social. Todas as obras realizadas nestes oito anos visaram a ampliar as opções nas diferentes atividades para o sócio e seus dependentes.  

TAGS: