Scavarda’s: muito além de um raio gourmetizador

Gastropub inaugurado em abril no Cônego faz o maior sucesso servindo hambúrgueres e drinques harmonizados
sábado, 27 de maio de 2017
por Guilherme Alt, com fotos de Carlos Mafort
O gastropub Scavarda´s, no Cônego
O gastropub Scavarda´s, no Cônego

Os gastropubs chegaram a Nova Friburgo. E o bairro do Cônego foi escolhido para receber o mais recente e badalado deles, o Scavarda’s. O estabelecimento nasceu no Rio de Janeiro, mas em 2015 subiu a Serra e se instalou na cidade. De acordo com Jaqueline Righetti e Victor Scavarda, sócios-proprietários, Friburgo é uma cidade tranquila, segura e oferece condições ideais para o empreendimento.

O casal se conheceu no carnaval do Rio de Janeiro. Na época, Victor cursava direito, enquanto Jaqueline saiu de Friburgo para cursar moda. Depois de quatro meses de namoro, os dois ingressaram juntos na faculdade de gastronomia Alain Ducasse, no Rio. “Nós resolvemos seguir nosso sonho. O meu, de me especializar em sommelier de vinhos e cerveja, e a Jaqueline, de se especializar em gastronomia”, conta Victor.

Chegando em Friburgo, os dois mostraram ao povo friburguense o que de melhor sabem fazer. Primeiramente, em frente ao Bar América, no Centro, e depois em frente à Boutique das Carnes, no Cônego, os hambúrgueres artesanais do casal ficaram famosos e muito concorridos. O sucesso foi tanto que compraram um ponto em uma das principais ruas do Cônego.

Com uma estrutura de primeira linha e seis funcionários capacitados, o gastropub, inaugurado no final de abril, traz novidades a Nova Friburgo, tanto na parte culinária quanto na de bebidas. “Nosso intuito era trazer um ambiente que não tinha na cidade, levar uma novidade. Nosso foco nos drinques, por exemplo: eles normalmente não são encontrados em qualquer lugar. E são feitos por uma bartender que veio do Rio de Janeiro (Fern Echeverria). Temos um padrão rigoroso com relação ao atendimento, elaboração das comidas e bebidas”, diz Jaqueline.

Jaqueline é a responsável pelo menu de hambúrgueres e a elaboração dos molhos. Feitos de forma artesanal, Righetti afirma que cada item é criado ou aperfeiçoado por ela. “Todos os nossos produtos são especiais. Eu estudei muito, me especializei bastante para chegar ao que hoje o Scavarda’s apresenta no menu. Os molhos são aperfeiçoados e têm o meu toque. Fazemos muitos testes para chegar à receita final”, comenta.

Um dos diferenciais do Scavarda’s é o cardápio -- inteiramente artesanal e com tempo limitado. De acordo com Victor e Jaqueline, a ideia é sempre mudar o menu e mostrar aos clientes os mais variados sabores de hambúrgueres e bebidas que a casa pode oferecer. “Nós funcionamos de quarta a domingo, e geralmente o hambúrguer mais pedido é o especial da semana, pois as pessoas sabem que só terão cinco dias para comê-lo. Nossa carta de vinhos e cervejas também não é fixa. Quando zeramos determinada cerveja, entramos com um novo rótulo. Nós nunca ficamos presos a uma carta fixa. Temos vinhos chilenos, italianos e sul-africanos, entre outros. Nosso objetivo é trazer produtos que harmonizem com a casa. Quando a cozinha altera o cardápio, nós alteramos nossa carta de bebidas”, contam.

Para quem nunca foi ao gastropub, Victor e Jaqueline dão dicas da combinação perfeita de hambúrguer e bebidas. “Nós recomendamos o Scavarda’s Burger (160 gramas de blend, queijo maçaricado, aioli, beer BBQ, bacon crocante e pão artesanal). Se a pessoa quiser beber um drinque, recomendamos o Scavarda’s gin tônica. Se quiser um vinho, recomendamos o Pinotage, da África do Sul. E se for uma cerveja, escolham Sete Vidas da W*Kattz”, indicam.

O Scavarda’s também oferece opções vegetarianas. “Nós temos o Burger, feito de cogumelos. São cogumelos orgânicos, aqui da cidade. É um shitake do tamanho da palma da mão. Fazemos o hambúrguer com esse shitake inteiro, com pão australiano e molhos da casa. Também temos os bocadilllos de shitake e ragu de shitake com queijo maçaricado por cima”, afirma Jaqueline.

Gostou? Então corra e garanta já o seu lugar. Chegue cedo, porque o Scavarda’s não faz reservas. Mas nem tudo está perdido se você chegar e não achar um lugarzinho ao sol. “Para as pessoas que ficam esperando vagar uma mesa, nós proporcionamos algumas rodadas de cerveja por conta da casa”, revela Victor.

Para o Dia Mundial do Hambúrguer, celebrado neste domingo 28, Jaqueline e Victor prepararam uma surpresa para os clientes. “Temos algo muito especial. O hambúrguer da semana será o Double Trouble. Ele é feito com cheddar inglês. Fizemos uma encomenda do produto, que veio diretamente da Inglaterra. O especial que começou quarta-feira, 24, termina neste domingo, último dia do hambúrguer da semana. Só vindo para conferir”, convidam.

A guinada na vida profissional é comemorada por Jaqueline e Victor. De uma aposta à realidade, o sucesso do empreendimento é visto com bons olhos pelo casal. “Superou nossas expectativas. Vendo as pessoas esperarem, fazendo fila para entrar, e quando entram abrem um sorriso no rosto e curtem a casa o máximo possível. É uma satisfação imensa para a gente. É um sonho realizado”, comemora Victor, que já planeja abrir uma segunda casa no Cônego. Ainda um segredo guardado a sete chaves.

  • A equipe do Scavarda's

    A equipe do Scavarda's

  • Os sócios-proprietários Victor e Jaqueline (ela, a chef)

    Os sócios-proprietários Victor e Jaqueline (ela, a chef)

  • A bartender Fern Echeverria e seus drinques

    A bartender Fern Echeverria e seus drinques

TAGS: hambúrguer | dia do hambúrguer | lanches | podrões | rua | Gastronomia