Nova Friburgo Futebol Clube ganha hino oficial em dezembro

Fundada a partir da fusão de Friburgo e Esperança, agremiação ainda não tinha um tema musical
sábado, 20 de outubro de 2018
por Vinicius Gastin
 Letra do hino oficial recebeu o crivo da diretoria do Nova Friburgo Futebol Clube: lançamento em dezembro
Letra do hino oficial recebeu o crivo da diretoria do Nova Friburgo Futebol Clube: lançamento em dezembro

Uma bela história, que traz na essência algumas das partes mais gloriosas do futebol amador municipal. Pode parecer surpreendente, mas o Nova Friburgo Futebol Clube, fundado a partir da fusão de Friburgo e Esperança, ainda não tinha um hino para traduzir parte do sentimento e toda essa trajetória. Não tinha, como destacado no texto, pois a agremiação passará a ter o hino oficial composto pelos músicos Valcir Ferreira e Paulo Mendonça.

A letra e a melodia foram apresentadas e aprovadas pela diretoria durante reunião realizada em outubro. O lançamento oficial da canção acontecerá nas comemorações pelo aniversário do extinto Esperança Futebol Clube, a ser promovida no mês de dezembro.

A criação do hino era um dos sonhos da atual direção. Após contato do Diretor de Comunicação, Edson Roberto Tavares, o compositor Valcir Ferreira iniciou, em parceria com Paulo Mendonça, a preparação da letra para ressaltar as histórias de glórias dos clubes no futebol municipal e estadual.

“Recebemos essa missão de fazer o hino do Nova Friburgo Futebol Clube e sentimos a necessidade de conhecer melhor a agremiação. Nossa ideia foi preservar na íntegra a história do extinto Friburgo e Esperança para criarmos o hino”, contou Paulo Mendonça em entrevista ao site oficial do clube.

O Diretor de Comunicação, Edson Roberto Tavares, o Edinho, salientou a importância do hino para a história da equipe verde e vermelha. “Após 39 anos da fusão teremos a honra de ter o hino que retrata um pouco da história do nosso clube. Quero ressaltar o trabalho incansável da diretoria para valorizar e projetar o Nova Friburgo Futebol Clube.”

Um dos mais conhecidos cantores e compositores de Nova Friburgo, Valcir Ferreira fala da missão de concretizar o sonho da diretoria do clube. O compositor ressaltou a importância da agremiação para a cidade. “É uma satisfação saber que a criação desse hino vai contribuir significativamente para mostrar a importância do clube. É muito gratificante ver que essa letra vai ser eternizada no coração dos jogadores, dirigentes e torcedores do clube verde e vermelho.”

O presidente do Conselho Diretor, Luiz Fernando Bachini, classificou a composição do hino como “realização de um sonho”, e agradeceu aos músicos pelo trabalho desenvolvido. “Nosso muito obrigado ao Valcir e ao Paulo por criarem esse hino para o nosso clube. Agradecemos também a todos os envolvidos para a concretização deste sonho.”

Juvenil e infantil do Nova Friburgo vencem pela Copa Light

Em sua caminhada na Copa Light, o Nova Friburgo conquistou duas importantes vitórias nos dois últimos compromissos. O sub-17 levou a melhor no confronto com o Independente e fez 3x0, enquanto sub-15 goleou o Unibrasa por 5x0. Os jogos aconteceram no Centro de Treinamento do Tigres do Brasil, em Xerém, no último feriado de 12 de outubro.

Diante do Independente, o Nova Friburgo encontrou um cenário de equilíbrio durante os primeiros 15 minutos, e apenas aos 17, Breno conseguiu finalizar e exigir do goleiro adversário. O ataque do Nova Friburgo Futebol Clube ainda teve outras duas oportunidades de abrir a contagem, com João Pedro, após tentativa de chute de fora da área, e Alexandre também de longa distância.

A segunda etapa começou com o time verde e vermelho no ataque, e logo aos quatro minutos, Matheus Perrut marcou, de cabeça, o primeiro do Nova Friburgo. Com vantagem no placar o time da serra chegou ao segundo gol aos 25 minutos, após cobrança de falta pelo lado direito Gabriel Jesus. O terceiro gol veio aos 33 minutos após cobrança de pênalti convertida por Gabriel Jesus.

No sub-15, o Nova Friburgo Futebol Clube demorou apenas 12 minutos para abrir o placar sobre o Unibrasa. Foi o tempo necessário para Vyctor Huggo receber lançamento dentro da área e tocar na saída do goleiro. Aos 24 minutos, Vyctor Huggo bateu pênalti com categoria e ampliou. Na etapa final, aos 17 minutos, Marcos Raposo desarmou o zagueiro, passou pelo goleiro e marcou com categoria. O mesmo Marcos ainda carimbou a trave instantes depois, antes de anotar o quarto ao receber com liberdade e tocar na saída do goleiro. Aos 29 minutos, Vyctor Huggo recebeu lançamento de Gabriel, dentro da área, e fechou a conta: 5x0.

No sub-15 (Infantil) o Nova Friburgo lidera o grupo A, com 10 pontos, três vitórias, um empate, nove gols feitos e um sofrido. A equipe estreou com vitória de 1x0 sobre o União. Na segunda rodada, o infantil superou o Duquecaxiense por 3x0, e na terceira bateu o Nacional do Espírito Santo, em Los Lários. O time Infantil do Nova Friburgo Futebol Clube é formado pelos atletas Pedro Barcelos, Kaio Silva, Wellerson Teixeira, Allejhran Carrilho, Eduardo da Silva, Marcos Ventania, Gabriel do Couto, Marcos Raposo, Vyctor Oliveira, Igor de Assis, Lucas Batista, Igor Elias, Gabriel Pires, Paulo Bonifacio, Kauan Polinio, Natan Silva, Leonardo Alves, Gabriel Pereira, Gabriel Batista, Fabio Andreata, Victor Barbosa, João Silva, Breno Portela e Guilherme Coutinho.

Participam da edição 2018 da Copa Light na categoria, além do Nova Friburgo, as equipes do Nacional, Unibrasa, União e Duquecaxiense (Grupo A); Niterói, Tigres do Brasil, Fábrica de Talentos, D´Treinador e Aldeia Carioca (Grupo B); Mogi Mirim, Paduano, Trops, Sogima e Angra dos Reis (Grupo C); Duque de Caxias, América 3 Rios, E.F.W.L, Barra Mansa e Volta Redonda Esportes.

Já no sub-17, o Nova Friburgo, também no grupo A, soma agora quatro pontos ganhos. O time conquistou uma vitória, um empate e perdeu dois compromissos, com cinco gols marcados e outros três sofridos.Na estreia, empate por 1x1 com o União. Pela segunda rodada, acabou derrotado pelo Maricá pelo placar de 1x0, e no compromisso anterior, havia sido derrotado pelo Nacional do Espírito Santo, por 2x1. No juvenil participam as equipes do União, Nova Friburgo, Maricá, Nacional e Independente (Grupo A); Tigres do Brasil, Aldeia Carioca, Niterói, D. Treinador e Galácticos (Grupo B); Trops, Feras, Mogi Mirim, Angra dos Reis e Interfut (Grupo C); Duque de Caxias, Campo Grande, Profad, AVA Sports e Mesquita (Grupo D).

TAGS: futebol