Natureza friburguense

sexta-feira, 12 de junho de 2015
por Jornal A Voz da Serra
FALTANDO POUCOS DIAS para o início do inverno, Nova Friburgo já desponta como uma das cidades com as mais baixas temperaturas do país. O que poderia se constituir numa época de complicações para a saúde humana ganha notoriedade sob o ponto de vista turístico e ecológico, despertando o interesse daqueles que procuram o lazer contando com o beneplácito rigoroso das baixas temperaturas.

Manter o meio ambiente é o desafio de todos nós
SORTE DO MUNICÍPIO, que vê no inverno a sua alta estação, atraindo um público ávido para desfrutar os prazeres da natureza, conciliando o descanso, o conforto e a gastronomia com a contemplação das belezas naturais do município. 

TAMANHO PATRIMÔNIO natural não deve sobreviver sem a devida atenção das autoridades, pois está em risco a vida de milhões de pessoas, que até agora somente assistiram à degradação ambiental e espera por sonhadas soluções. Neste contexto situa-se a Mata Atlântica, da qual Nova Friburgo detém uma parcela substancial em seu território.

A PROMOÇÃO do meio ambiente durante este mês, portanto, é um período conveniente para se discutir e, se possível, começar a fazer o que todos aguardam — medidas de prevenção, proteção e conservação. O que não devemos fazer nós já sabemos. A discussão engloba desde os nossos mananciais de água às florestas, o controle da emissão de poluentes, a coleta seletiva do lixo, o tratamento de esgoto, como também a educação ambiental e uma nova postura da sociedade frente ao meio ambiente.

NOVA FRIBURGO, a exemplo de muitas cidades, possui uma cobertura vegetal privilegiada de Mata Atlântica, compatível com as vocações sociais e econômicas do município, como o turismo e a educação, o comércio e a própria indústria. Manter a harmonia em defesa do meio ambiente é, pois, o desafio de todos nós. 

A VOZ DA SERRA tem um pacto estabelecido a favor do meio ambiente friburguense. Através de nossas edições abrimos espaço para a Mata Atlântica friburguense, nos posicionamos contrários a iniciativas que coloquem em risco este patrimônio verde, defendemos as atitudes que venham a contribuir com a preservação ambiental e também prestigiamos democraticamente as organizações públicas e não governamentais que defendem a causa ambiental. 

O INVERNO que se aproxima serve como estímulo para os que cuidam do setor na administração pública e na iniciativa privada, abrindo uma saudável discussão sobre as melhores potencialidades e o futuro do turismo. O momento, portanto, é altamente favorável e poderá trazer benefícios a toda a sociedade, ao utilizar uma atividade que promete durar todas as estações do ano.

TAGS: inverno | Nova Friburgo | temperatura | termômetro | Frio | Turismo | lazer | Mata Atlântica | gestão | preservação