Manoel do Queijo morre aos 81 anos

Além da simpatia e simplicidade, Manoel do Queijo era conhecido pela produção de queijo minas artesanal no sítio que leva o seu nome
sexta-feira, 15 de janeiro de 2016
por Jornal A Voz da Serra
(Fotos: Facebook)
(Fotos: Facebook)

O lendário produtor rural Manoel Gomes, conhecido como Manoel do Queijo, morreu nesta sexta-feira, 15, no Hospital Municipal Raul Sertã, no centro de Nova Friburgo. Ele estava ajudando uma vaca a parir um bezerro no seu sítio, na Fazenda da Laje, no distrito de Conselheiro Paulino, quando o animal o chifrou nas costas, ferindo órgãos e costelas. O idoso foi socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Além da simpatia e simplicidade, Manoel do Queijo era conhecido pela produção de queijo minas artesanal no sítio que leva o seu nome. A propriedade rural é bastante frequentada aos fins de semana por turistas e aventureiros em busca de banhos de rio e tranquilidade em meio a natureza. Manoel tinha 81 anos e deixa esposa, dois filhos e quatro netos. O corpo está sendo velado no Memorial SAF, em Duas Pedras. Ele será enterrado neste sábado, 16, às 10h, no Cemitério Trilha do Céu, na Fazenda da Laje.

A equipe de A VOZ DA SERRA lamenta profundamente a morte de Manoel do Queijo e se solidariza aos familiares e amigos.

TAGS: obituário | fazenda da laje