Leite vendido em Friburgo tem fábrica em Sapucaia interditada

Análises laboratoriais revelaram adição inadequada de água em lotes da marca
quinta-feira, 07 de junho de 2018
por Jornal A Voz da Serra
Policiais na fábrica em Sapucaia (Divulgação)
Policiais na fábrica em Sapucaia (Divulgação)

A fábrica de laticínios Godam, em Sapucaia, no Centro-Sul fluminense, foi interditada nesta quarta-feira, 6, acusada de adicionar água ao leite que comercializa. Em Nova Friburgo, o produto é encontrado em vários mercados. A ação foi realizada pela Delegacia de Defesa do Consumidor (Decon).

Análises da Secretaria estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento feitas em dois lotes do leite UHT Integral Godam constaram que havia adição de 44% de água em cada caixa. Os lotes analisados foram vendidos com taxa de gordura de 0,26%, quando o índice mínimo exigido para o leite integral é de 3%.

Outra irregularidade encontrada pela análise da secretaria é que o leite da companhia vendido como desnatado era comercializado como integral.

Durante o processamento, os fabricantes retiravam a matéria gorda do leite para fazer manteiga e completavam o produto com mais água, segundo a Decon.

A empresa produtora do leite, a Godiva Alimentos Ltda, foi multada e o responsável indiciado por crime contra a relação de consumo, cuja pena prevista é de dois a seis anos de prisão. O caso está sendo apurado pelo Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Ninguém foi preso na ação.

TAGS: