Friburgo sedia olimpíada internacional de Matemática

Competição reúne estudantes de oito países de língua portuguesa
terça-feira, 29 de outubro de 2019
por Jornal A Voz da Serra
O Sanatório Naval, onde os estudantes ficarão hospedados (Arquivo AVS)
O Sanatório Naval, onde os estudantes ficarão hospedados (Arquivo AVS)

De 3 a 8 de novembro Nova Friburgo será sede da 9ª Olimpíada de Matemática da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (OMCPLP), evento que irá envolver a participação de jovens estudantes de até 18 anos, selecionados exclusivamente por seu talento para representar, junto a seus professores, os oito países de expressão portuguesa: Brasil, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste.

Cada um dos oito países contará com quatro alunos classificados após disputas nacionais. O Brasil estará representado por quatro estudantes, sendo um deles o friburguense Pedro Lengruber Lack, 15 anos, aluno da escola Miosótis. Os outros brasileiros são de Fortaleza-CE (Davi Gabriel Bandeira Coutinho e Caio Hermano Maia de Oliveira) e do Rio de Janeiro-RJ (Rodrigo Salgado Domingos Porto). Todos foram premiados no nível dois da 40ª Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM).

Hospedagem no Sanatório Naval

A 9ª edição da OMCPLP aconteceria em Moçambique, na África, no entanto, devido ao evento climático que atingiu o país recentemente, o evento acabou sendo transferido para o Brasil, justamente em Nova Friburgo. No ano passado a OMCPLP foi realizada em Portugal. A cerimônia de abertura, além das aulas e provas internacionais acontecerão na escola Miosótis. Já o encerramento do evento será no teatro do Nova Friburgo Country Clube.

Devido à mudança de sede, o evento só pôde ser realizado em Nova Friburgo graças ao Sanatório Naval de Nova Friburgo, que irá hospedar o grupo de alunos e professores na Casa do Marinheiro. O diretor-executivo da Associação Comercial Industrial e Agrícola de Nova Friburgo (Acianf), Roosevelt Concy, e o empresário Tony Ventura, se dedicaram pessoalmente na solicitação ao diretor da instituição militar, o capitão-de-fragata médico Marcelo Cerentini Garcia, para que a parceria pudesse ser viabilizada.   

A competição

A Olimpíada de Matemática da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa teve início em julho de 2011, em Coimbra, Portugal, com a designação de Olimpíadas de Matemática da Lusofonia. No ano seguinte a designação foi alterada para a atual em virtude do apoio expresso da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). É organizada pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa), com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM).

A OMCPLP é uma competição entre jovens estudantes de países de língua portuguesa, cujos objetivos são a melhoria da qualidade do ensino e a descoberta de talentos em matemática, fundamental para o desenvolvimento científico e tecnológico; O incentivo ao estudo da matemática nos países lusófonos; a criação de uma oportunidade para a troca de experiências educacionais nacionais; e a união e cooperação entre os países lusófonos para a criação de instrumentos que permitam a competição de alunos numa olimpíada internacional para os países de língua portuguesa.

O Brasil na OMCPLP

Participante de todas as edições da Olimpíada de Matemática da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, o Brasil sediou a competição em duas oportunidades: Salvador-BA (2012) e Fortaleza-CE (2016), conquistando, desde então, um total de 32 medalhas, sendo 13 de ouro, 18 de prata e uma de bronze.

 

TAGS: Educação