Fevest é lançada para empresários do setor têxtil friburguense

Maior feira de moda íntima do país acontecerá no Nova Friburgo Country Clube de 10 a 14 de julho
sexta-feira, 24 de maio de 2019
por Jornal A Voz da Serra
O público presente ao lançamento
O público presente ao lançamento

Foi lançada nesta quinta-feira, 23, no Senai Espaço da Moda, reunindo empresários do setor, a edição 2019 da Fevest Show - a Feira Brasileira de Moda Íntima, Praia, Fitness e Matéria Prima, que acontecerá no Nova Friburgo Country Clube entre os dias 10 e 14 de julho.

A Fevest é reconhecida por compradores nacionais e do exterior como referência de feira de negócios em lançamentos para todo o mercado têxtil. No ano passado, na sua 28ª edição, a Fevest recebeu cerca de 14 mil pessoas. No fim de semana com a  participação do público, o evento teve movimento recorde, com cerca de nove mil pessoas circulando pelos mais de cem estandes de empresas do setor de vestuário e fornecedores. O número de visitantes foi alto, com pessoas vindas de 23 estados brasileiros e seis países: Peru, China, Estados Unidos, Suíça, Bélgica e Argentina.

Segundo Marcelo Porto, presidente do Sindicato das Indústrias do Vestuário de Nova Friburgo e Região (Sindvest), o movimento em cadeia iniciado na feira, com a aproximação promovida entre empresários, compradores, fornecedores, entidades ligadas à cadeia têxtil e influenciadores, gera retorno ao longo de todo o ano. Somente em 2018, a expectativa é de que os negócios gerados movimentassem cerca de R$ 40 milhões.

Novidades ainda aguardadas

As novidades deste ano ainda estão sendo mantidas em segredo. Na edição de 2018, quando a cidade celebrou seu bicentenário, a sensação da Fevest foi a lingerie-joia. Os conceitos principais  foram sustentabilidade e macrotendências. Além disso, o público encontrou tecidos tecnológicos com estampas modernas e peças de sustentação com formas sensuais, em cores e modelagens diferenciadas. Outros destaques foram peças com tecidos luxuosos, rendas e malharias.

A abertura do desfile também surpreendeu, com um robô de led coordenando a entrada dos três looks produzidos pelos alunos do Senai Espaço da Moda. A combinação de luz e tecnologia foi vista também na passarela, onde cores cítricas e fluorescentes dominaram.

Entre os conceitos trabalhados em 2018, a sustentabilidade foi um tema muito bem recebido. Segundo Porto, o novo perfil do consumidor é cada vez mais ligado às questões socioambientais, e esse é um tema que veio para ficar. Tiveram destaque a produção de artesanato e mostras de reaproveitamento de tecidos, ações que mostram o comprometimento da feira em promover a preservação do meio ambiente por meio do desenvolvimento sustentável.

TAGS: evento