EDITORIAL - Festa da natureza

domingo, 18 de janeiro de 2015
por Jornal A Voz da Serra

MAIS QUE A SEGURANÇA, o grande motivo para a vinda de muitos turistas a Nova Friburgo tem sido o clima. Temperaturas elevadas deram ao Rio este ano o título de uma cidade "infernal”, com sensações térmicas passando dos 50 graus centígrados, e as agradáveis temperaturas da região são os atrativos para a fuga de cariocas para a serra.

ANÁLISES CIENTÍFICAS já dão como inevitável o aquecimento do planeta em mais 2 graus, o que explica o forte verão deste ano e que promete se repetir nos próximos. Contra isso, os locais de temperaturas amenas ganham uma nova dimensão, tornando-se verdadeiros oásis contra o inclemente calor.

NOVA FRIBURGO, outra vez, mostra que as qualidades da natureza impulsionam o turismo na cidade com muito mais vigor e plenitude que apenas os bailes populares e desfiles de blocos e apontam para uma política que tenha no meio ambiente a sua força principal. Para tanto, o esforço não depende apenas da Prefeitura e de organismos oficiais de fomento ao turismo, e sim de todos os friburguenses.

A VOZ DA SERRA vem publicando a série Roteiros de Verão mostrando as inúmeras opções de turismo na cidade, contando com as belas paisagens e também a sua diversificada malha comercial. Cercada por uma natureza exuberante, com rios e cascatas, a cidade é um convite permanente para quem pretende adotar a ecologia e o meio ambiente como ferramentas para seu lazer e entretenimento.

OS FINS DE SEMANA prolongados proporcionam novas fontes de renda para o setor e devem ser promovidos sempre. Fugindo do calor excessivo e, em muitos casos, da falta de estrutura das cidades praianas, o turista volta os olhos para o ecoturismo e o descanso, que fazem de Nova Friburgo uma "parada obrigatória”, um paradeiro com qualidade de vida, sem poluição e muita natureza. 

TRATA-SE, pois, de um cenário cada vez mais valorizado e que deve receber dos governantes uma atenção dedicada e vontade política para beneficiar ainda mais a atividade. Agora é hora de gerir o turismo municipal contando com o trabalho da iniciativa privada e a promoção do governo. Tudo isso sob as benesses da natureza


TAGS: