EDITORIAL - A festa bate às portas

segunda-feira, 10 de novembro de 2014
por Jornal A Voz da Serra

A RESPOSTA do comércio varejista nacional não deixa dúvidas que o consumo interno será o destaque de fim de ano com a chegada do Natal. A expectativa do comércio friburguense está em sintonia com este pensamento empresarial e também aguarda um período favorável nas vendas, que, apesar do fraco desempenho da economia nacional, continuam apresentando saldo positivo em todo o país.

A ÉPOCA de fim de ano é tradicionalmente a que injeta mais recursos na economia das cidades, com um aumento generalizado de vendas em praticamente todos os setores. Nova Friburgo, sintonizada com as tendências, continua atraindo milhares de consumidores de outras cidades, ampliando a sua influência como polo comercial, principalmente da Região Centro-Norte.

A LIBERAÇÃO da primeira parcela do 13º salário na economia certamente aumentará a expectativa de crescimento das vendas. Ainda que muitos prefiram quitar dívidas a fazer novos encargos, trata-se de um bom volume de recursos que é injetado no comércio. Sufocado pela excessiva tributação e as altas taxas de juros, o comércio vê no período uma saída para honrar seus compromissos e manter a grande massa trabalhadora empregada.

O ESFORÇO dos empresários em oferecer boas compras aos consumidores deve vir acompanhado de uma ambientação que favoreça e estimule o consumo natalino. A menos de 50 dias do Natal, não existe nenhuma movimentação acerca da montagem, pela Prefeitura, da decoração que tradicionalmente marca o período, o que significa dizer que estamos atrasados em oferecer à comunidade e visitantes uma época de luz e beleza. 

A PARTICIPAÇÃO do poder público é fundamental para que a infraestrutura do município garanta o sucesso de todos. O comércio é o lado pulsante da cidade e, por si só, movimenta milhões de reais e emprega milhares de pessoas. A decoração natalina, portanto, é um fator importante para atrair mais visitantes, aumentando, consequentemente, os negócios no município.

AINDA HÁ tempo para o sucesso do período natalino e o governo municipal não deve estar indiferente ao assunto. O prefeito sabe da importância do comércio e do turismo interno e certamente não ficará indiferente ao promover mais um Natal no município. Com toda a beleza que a festa requer.


TAGS: