EDITORIAL - Consumo sem exageros

terça-feira, 25 de novembro de 2014
por Jornal A Voz da Serra

A RESPOSTA do comércio varejista nacional não deixa dúvidas que a crise mundial provoca sustos e incertezas mas não tira o cidadão brasileiro do consumo. Dados de atividades do comércio divulgados pela Serasa mostram que o movimento dos consumidores nas lojas em todo o país cresceu apenas 0,1% em outubro, mas este ano acumulou alta de 4% em relação ao mesmo período do ano passado.

O DESEMPENHO do varejo no mês foi influenciado pela alta no movimento dos consumidores nas lojas de veículos, motos e peças no mês de outubro. Nenhum segmento do varejo acusou queda de atividade, exceto o setor de material de construção. O setor de supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas registrou alta de 4,4%. Todos os demais também tiveram elevação.

A ÉPOCA de fim de ano é tradicionalmente a que injeta mais recursos na economia das cidades, com um aumento generalizado de vendas em praticamente todos os setores. Nova Friburgo, sintonizada com as tendências e com uma ampla oferta de produtos, atrai muitos consumidores, principalmente dos municípios vizinhos, melhorando as vendas e garantindo um Natal melhor para empresários e empregados.

A LIBERAÇÃO da segunda parcela do 13º salário na economia certamente aumentará ainda mais a expectativa de crescimento das vendas. Ainda que muitos prefiram quitar dívidas a fazer novos encargos, trata-se de um bom volume de recursos que é injetado no comércio. Sufocado pela excessiva tributação e as altas taxas de juros, o comércio vê no período uma saída para honrar seus compromissos e manter a grande massa trabalhadora empregada.

A INICIATIVA PRIVADA, promovendo o período com uma decoração adequada, com o apoio da prefeitura, mostra que a integração entre o governo e a sociedade está no caminho certo. A participação do poder público é fundamental para que a infraestrutura do município garanta o sucesso de todos. O comércio é o lado pulsante da cidade e, por si só, movimenta milhões de reais e emprega milhares de pessoas.

A FESTA friburguense para o Natal em breve estará nas ruas e é um fator importante para atrair mais visitantes, aumentando, consequentemente, os negócios no município. O empenho dos organizadores em criar um clima verdadeiramente natalino deverá estimular novas parcerias, envolvendo outros setores da economia da cidade num esforço conjunto para tornar mais bonita a festa. É o que esperamos.


TAGS: