Crescimento apetitoso

quinta-feira, 23 de junho de 2016
por Jornal A Voz da Serra
Crescimento apetitoso

NAS ÚLTIMAS semanas Nova Friburgo abriu espaço para a gastronomia, com a inauguração do Circuito Caledônia, que veio se incorporar aos outros existentes na cidade, além de festas temáticas, como a de cervejas artesanais e os famosos “food trucks”. A estação mais fria do ano proporciona aos turistas que visitam Friburgo e aos moradores, além do descanso, um prazer a mais.

A GASTRONOMIA friburguense é um prato cheio para quem deseja adotar novas políticas de incentivo ao turismo no município. Por sua comida generosa e repleta de sabores, Nova Friburgo não fica a dever a outros centros gastronômicos do Estado do Rio, como, por exemplo, o distrito de Itaipava, na vizinha Petrópolis. E pode ainda preparar mais surpresas para a mesa do turista.

NESTE contexto, destaca-se, logo de entrada, o circuito de Mury, um verdadeiro cartão-postal que merece ser apreciado não só por quem vem, mas, principalmente, por quem é daqui. Mury não está distante. É bem perto do coração da cidade e tem muito a oferecer a quem vai ao lugar. Isso sem falar nos tradicionais restaurantes do Centro. 

 TRABALHO do prefeito Rogério Cabral e do secretário de Turismo Nauro Grehs não pode deixar escapar as ofertas que, sabidamente, fazem parte das vocações friburguenses, sendo o turismo uma importante área de desenvolvimento da nossa economia. O secretário da área tem priorizado os objetivos que estão estruturados e vêm dando certo, e certamente o turismo gastronômico faz parte dessas intenções.

NUM ANO em que a sucessão municipal será assunto predominante e prioritário para o desenvolvimento do município, o turismo ganha a atenção dos candidatos como plataforma eleitoral em suas campanhas. Se houver vontade política o futuro governante terá em mãos um produto que já está implantado e que um trabalho de gestão operacional poderá fazê-lo crescer ainda mais.

A EXPECTATIVA é que o setor reconduza o município ao seu lugar de destaque no interior fluminense, atraindo mais turistas, gerando empregos e movimentando a economia. Vamos, pois, esperar.

TAGS: