Com estoque baixo, só crianças pequenas estão sendo vacinadas em Friburgo

Subsecretaria de Vigilância em Saúde diz que ainda não há previsão de envio de nova remessa de doses contra a gripe
quinta-feira, 06 de junho de 2019
por Fernando Moreira (fernando@avozdaserra.com.br)
A vacina contra a gripe (Arquivo AVS)
A vacina contra a gripe (Arquivo AVS)

Alguns leitores de A VOZ DA SERRA entraram em contato com a nossa redação informando que não estavam conseguindo se vacinar contra a gripe nos dois últimos dias. O curioso é que a Secretaria Municipal de Saúde de Nova Friburgo havia anunciado a retomada da imunização na última terça-feira,4, após cinco dias de desabastecimento. Ainda de acordo com a pasta, a nova remessa de 4.200 doses seria suficiente para imunizar o restante do público-alvo da campanha.

“Minha filha é professora da rede municipal e foi informada no posto do Suspiro que,  só estão sendo vacinadas as crianças de colo. É a segunda vez que ela é liberada do trabalho e não consegue tomar a vacina. Se continuar assim, nunca atingiremos a meta de imunização. Espero que o pior não ocorra”, diz a mensagem enviada por um leitor que preferiu não se identificar.

Secretaria de Saúde reconhece o problema

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Saúde reconheceu  que “de fato, as salas de vacinação do município estão aplicando as últimas doses da remessa recebida nesta semana. De acordo com a Subsecretaria de Vigilância em Saúde, ainda há vacinas disponíveis para aplicação da segunda dose em crianças pequenas, que tomaram apenas a primeira dose fracionada e necessitam desta segunda dose para a imunização completa. Outro grupo que ainda vai receber as vacinas são os pacientes acamados que não puderam se deslocar até as unidades de saúde. Ainda de acordo com a Subsecretaria de Vigilância em Saúde, ainda não há previsão do envio de nova remessa de doses para Nova Friburgo”.

Quem é o público-alvo

Crianças de 6 meses até 5 anos, 11 meses e 29 dias, idosos, gestantes e mães com até 45 dias após o parto, jovens de 12 a 21 anos de idade sob medida socioeducativa e população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições especiais, independentemente da idade. A vacina também é indicada para professores das escolas públicas e privadas, além de policiais civis, militares, bombeiros e membros ativos das Forças Armadas.

A vacinação contra a gripe foi prorrogada em todo o Brasil até o próximo dia 15 para tentar atingir a meta de imunização, que é de 90% do público-alvo. Diferentemente da orientação do Ministério da Saúde, que estendeu a imunização para toda a população, o estado do Rio continua vacinando apenas o público-alvo da campanha, já que as metas ainda não foram alcançadas, mas em Friburgo, se não chegar nova remessa de doses, a meta não deverá ser alcançada.

Casos registrados

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, até o momento foram notificados 31 casos de gripe Influenza em Nova Friburgo. Desses, sete são de pacientes de outros municípios e sete não foram especificados. Foram notificados também seis casos de pacientes com vírus sincicial respiratório, nove de H1N1, com um óbito e um aguardando análise.

Onde se vacinar

Os pais que desejam levar seus filhos pequenos para tomar a segunda dose da vacina, devem procurar o quanto antes as seguintes unidades de saúde: Policlínica Sylvio Henrique Braune, no Suspiro; Tunney Kassuga, em Olaria; e Waldir Costa, em Conselheiro Paulino, de segunda à sexta-feira, das 8h às 16h30. Já a Unidade Básica de Saúde José Copertino Nogueira, em São Geraldo, também imuniza às terças e quintas-feiras, das 9h às 16h.

 

TAGS: saúde | vacina