Caixa Econômica abre sábado para beneficiários do FGTS inativo

Em Nova Friburgo, agência do Centro e Conselheiro Paulino funcionarão em esquema especial
quarta-feira, 05 de abril de 2017
por Karine Knust
Caixa Econômica Federal (Foto: Amanda Tinoco/Arquivo A VOZ DA SERRA)
Caixa Econômica Federal (Foto: Amanda Tinoco/Arquivo A VOZ DA SERRA)

De acordo com o calendário da Caixa Econômica Federal, a partir da próxima segunda-feira, 10, os trabalhadores que fazem aniversário entre os meses de março, abril e maio e têm direito ao Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) de contas inativas poderão sacar seus benefícios. Para atender a demanda e esclarecer dúvidas, centenas de agências da Caixa Econômica Federal espalhadas por todo o país funcionarão neste sábado, 8, das 9h às 15h. A informação foi divulgada pela Superintendência da Caixa Econômica Federal (CEF) no Rio, nesta última segunda-feira, 3.

Em Nova Friburgo, duas unidades vão participar do esquema especial, a agência 1245 da Avenida Alberto Braune, no centro da cidade, e a 4120, na Avenida Governador Roberto Silveira, em Conselheiro Paulino. O atendimento será exclusivo para beneficiários do FGTS inativo. Os clientes poderão regularizar pendências, efetuar cadastros para futuros saques e outros atendimentos, incluindo saques dos trabalhadores nascidos em janeiro e fevereiro. A única restrição de atendimento é o serviço de Transferência Eletrônica Disponível (TED) para a conta de outro banco, já que os outros bancos não abrirão neste dia. Apenas transferências até R$ 5 mil poderão ser efetuadas, mas por meio de Documento de Ordem de Crédito (DOC).

Segundo dados da Caixa, o mês de março corresponde a 16% de todos os trabalhadores com direito a sacar o benefício. Já o mês de abril tem a maior proporção, de 26%, enquanto o mês de julho tem a menor, com 8%. Já maio e junho correspondem a 25% dos saques. O prazo máximo para retirada dos valores correspondentes ao FGTS inativo vai até o dia 31 de julho.

O fundo de garantia de contas inativas pode ser sacado por trabalhadores que tenham pedido demissão ou tenham sido demitidos por justa causa até 31 de dezembro de 2015. Vale ressaltar que o trabalhador, no entanto, não pode sacar o FGTS de uma conta ativa, ou seja, que ainda receba depósitos do empregador atual. Já o trabalhador que possui uma conta inativa, mas que ainda aparece no sistema como ativa precisará fazer a regularização antes de efetuar o saque.

Documentação

Para sacar o FGTS, é preciso apresentar uma série de documentos. Para quem for a uma agência Caixa, é necessário levar o número de inscrição do PIS/Pasep, documento de identificação do trabalhador e comprovante de finalização do contrato de trabalho (CTPS ou termo de rescisão do contrato de trabalho). Para correspondentes Caixa Aqui e Lotéricas, valores até R$ 3 mil com documento de identificação do trabalhador, Cartão do Cidadão e senha. Já no autoatendimento, para valores até R$ 1.500 com a senha do Cartão Cidadão e valores até R$ 3 mil com Cartão do Cidadão e senha.

No site da Caixa Econômica (www.caixa.gov.br/contasinativas) é possível obter mais informações e ainda consultar saldos das contas inativas. O banco ainda disponibiliza uma central de teleatendimento (0800 726 2017). Os interessados podem ainda acessar informações pelo aplicativo da Caixa.

TAGS: