AVS retoma produção de vídeos, agora com Alan Andrade

Roteirista e escritor, ele também escreverá artigos para o jornal
sábado, 25 de agosto de 2018
por Jornal A Voz da Serra
Alan Andrade pelas lentes de Henrique Pinheiro (Foto: Henrique Pinheiro)
Alan Andrade pelas lentes de Henrique Pinheiro (Foto: Henrique Pinheiro)

Um vídeo sobre um abrigo de cães e gatos em Amparo, matéria do Caderno Z, marca neste sábado, 25, a retomada da produção de conteúdo audiovisual em A VOZ DA SERRA e a estreia do roteirista Alan Andrade como produtor. ACESSE A MATÉRIA COM O VÍDEO AQUI. 

Alan  tem 32 anos e é formado em Sociologia, Política e Antropologia pelo Departamento de Ciências Sociais, da PUC-Rio. No último ano de faculdade, enveredou pelo cinema, no qual concluiu cursos e workshops voltados para Roteiro. Em 2013 apresentou um curta-metragem (foi um dos quatro vencedores) no Oi Futuro Ipanema, pelo Festival Adaptação do Rio de Janeiro. Neste mesmo período foi contratado como autor e roteirista pela TV Globo.

Integrante da equipe do Vídeo Show, Alan criava e escrevia quadros, homenagens a novelas e a grandes nomes da dramaturgia, esquetes de humor e os encerramentos do programa lidos por Miguel Falabella. Participava também da apuração junto com a produção, auxiliava os diretores nas gravações, fazia o primeiro corte e finalizava as matérias junto com os editores. Fora da TV Globo, escreveu e dirigiu videocases e videoclipes, além de roteirizar a primeira temporada de um reality show russo (REN TV).

De volta à região serrana e à cidade natal (Santo Antônio de Pádua), Alan passou uma curta temporada em Cascata, vizinha à Lumiar, revisando seu primeiro livro de contos “Sob a Luz de Mercúrio”, que acaba de ser lançado pela editora 7Letras, na Livraria Travessa, no Rio. Além de produtor de vídeos, Alan também vai colaborar na redação, escrevendo textos para o jornal.

Em Lumiar, ele iniciou um trabalho de pesquisa sobre a Banda Euterpe Lumiarense, que seria tema de um documentário que estava prestes a roteirizar. Foi assim que Alan teve seu primeiro contato com o jornal A VOZ DA SERRA, que chamou sua atenção “por sua qualidade diferenciada”. Segundo conta, não pensou duas vezes: “Mandei um e-mail com uma carta de apresentação, perguntando se um dia teria a honra de trabalhar com eles. Para minha grande alegria, este dia chegou”.

 

TAGS: