Artistas de Friburgo expõem seus trabalhos no Rio e em Niterói

Enquanto Fernanda Vogas assina a curadoria de uma mostra dedicada à arte da luz, fotógrafo Fernando Braune apresenta exposição “Querubins da Garoa”
quarta-feira, 24 de julho de 2019
por Jornal A Voz da Serra
Light Art Rio com curadoria de Fernanda Vogas (Foto: Renato Magolin)
Light Art Rio com curadoria de Fernanda Vogas (Foto: Renato Magolin)

Celeiro de grandes artistas em diversos meios, seja na música ou no teatro, na fotografia ou na pintura, Nova Friburgo está sempre exportando inúmeros talentos pelo Brasil e mundo afora. Dessa vez, as pratas da casa apresentam seus trabalhos em exposições realizadas no Rio de Janeiro e em Niterói. Ambas ficam em cartaz até o próximo fim de semana, com entrada franca.

Exposição “Light Art Rio”, com curadoria de Fernanda Vogas

O Oi Futuro apresenta até o próximo fim de semana a exposição Light Art Rio, dedicada à light art (arte da luz), com instalações e esculturas de luz de artistas contemporâneos. A curadora e idealizadora do projeto é a artista de Nova Friburgo, Fernanda Vogas, que convidou três artistas que incorporam a luz como elemento principal de criação para expor obras no projeto. A mostra está em cartaz no Centro Cultural Oi Futuro, no bairro do Flamengo, no Rio, com entrada franca.

Fernanda Vogas é mestra em artes visuais e graduada em comunicação social. Foi aluna da Escola Massana - Centre d’Art i Disseny, em Barcelona, e frequentou as aulas de filosofia dos professores Francisco Elia e Ivair Coelho. Seu currículo apresenta filmes experimentais premiados e exibidos no Göteborg International Film Festival (Suécia), Copenhagen Art Festival (Dinamarca), Tous Ecrans Festival (Suíça), Festival Internacional del Nuevo Cine Latinoamericano (Cuba), Cefalù Film Festival (Itália), entre outros.

Em 2010 foi selecionada para participar do projeto Gesamt, filme-instalação idealizado pelo cineasta Lars Von Trier. Em 2017 criou o Acusmática Visual ao lado do artista espanhol Xabier Monreal, um projeto de arte sonora com participações em festivais como o File - Festival Internacional de Linguagem Eletrônica (2018), Bogotá Short Film Festival (2018), Arquivo em Cartaz (2018) e Mostra do Filme Livre (2018).

Exposição “Querubins da Grota”, do fotógrafo Fernando Braune

O fotógrafo friburguense Fernando Braune expõe na Sociedade Fluminense de Fotografia (SFF), a mostra “Querubins da Grota”. A exposição tem entrada franca e pode ser conferida na Galeria Octavio do Prado, uma das duas galerias de exposições da SFF. As visitações podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 9h às 20h, e aos sábados das 9h às 17h.

‘Querubins da Grota” reúne dez quadros com fotografias em preto e branco dos jovens da Orquestra de Cordas da Grota sobrepostas em imagens coloridas de vitrais de igrejas. As fotografias em preto e branco e em cor foram trabalhadas digitalmente pelo fotógrafo. “É um trabalho artístico de muita qualidade e sensibilidade do Fernando Braune. A Sociedade Fluminense de Fotografia se sente honrada de abrir suas portas para essa exposição, que com certeza será fonte de discussão entre nossos alunos e professores, além do públicol”, explica Antônio Machado, presidente da SFF.

Fernando Braune lembra que conheceu a Orquestra de Cordas da Grota por acaso, durante uma visita ao Centro Cultural da Justiça Federal, no Rio de Janeiro. “Vi os meninos tocando uma peça de Bach e me encantei pelo projeto. Fiquei meses pensando em como poderia fazer o trabalho e o resultado foi essa exposição”, finaliza. 

 

TAGS: Artes plásticas