Vigilância Sanitária interdita parcialmente posto de saúde do Stucky

Entre as irregularidades, sala de consultas pouco arejada, um único banheiro e sala de curativos muito perto da cozinha
quarta-feira, 26 de junho de 2019
por Jornal A Voz da Serra
O posto de saúde da família do Stucky (Reprodução da web)
O posto de saúde da família do Stucky (Reprodução da web)

A Vigilância Sanitária Municipal interditou parcialmente no início desta semana o Posto de Saúde da Família (PSF) da localidade de Stucky, no distrito de Mury, devido às condições do imóvel não atenderem a uma série de normas do órgão. Entre as irregularidades constatadas na inspeção, a sala de consultas não é arejada o suficiente, a unidade só conta com um banheiro e a sala de curativos fica muito próxima da cozinha.

Com a interdição parcial, uma série de procedimentos não poderá ser realizada, como a aplicação de injeções, a realização de curativos e alguns exames ginecológicos. Por outro lado, consultas médicas e alguns atendimentos de enfermagem estão permitidos.

A Prefeitura de Nova Friburgo tem até 30 dias para providenciar os reparos necessários para que a unidade possa voltar a atender plenamente.

A interdição pegou os moradores do bairro de surpresa, já que na unidade também funciona a Estratégia de Saúde da Família, programa que disponibiliza médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem à população.   

O Posto de Saúde da Família do Stucky funciona no mesmo local desde 2005. O último contrato de locação do espaço foi assinado pela prefeitura no ano passado.

A VOZ DA SERRA entrou em contato com a Prefeitura de Nova Friburgo para saber se as intervenções indicadas pela Vigilância Sanitária serão feitas e um prazo para a realização das mesmas, mas não obteve resposta até a atuaçização desta notícia.

 

TAGS: saúde | Governo