Testes finais: após duelo com o Saferj, Frizão enfrenta Serra Macaense em amistoso

Equipe está na reta final de preparação para a competição nacional
terça-feira, 07 de fevereiro de 2017
por Vinicius Gastin
Frizão encarou o Saferj na última sexta-feira; jogo contra o Serra deve ser o teste final (Fotos: Divulgação)
Frizão encarou o Saferj na última sexta-feira; jogo contra o Serra deve ser o teste final (Fotos: Divulgação)

Às vésperas do duelo com o Oeste, válido pela Copa do Brasil, o Friburguense faz os últimos ajustes e testa a equipe em jogos amistosos. Na última sexta-feira, 10, por exemplo, o Tricolor da Serra enfrentou a equipe da Saferj, no CFZ, no Rio de Janeiro. A equipe apresentou uma boa evolução, e o gol de Bidu foi destaque no empate por 1x1. O volante está recuperado de lesão muscular na panturrilha esquerda, e depois de retornar aos treinos, participou da movimentação normalmente com o restante da equipe.

"O amistoso foi muito bom, bastante movimentado. Estamos melhorando a cada dia, e na última sexta-feira, por exemplo, nosso time fez uma grande segundo tempo", avalia o técnico Merica.

Na reta final de preparação para a competição nacional, o Friburguense já realizou diversos amistosos. Boavista, Fluminense e Macaé foram alguns dos adversários do Tricolor da Serra nos últimos dois meses, sem contar os amistosos realizados no mês de dezembro, quando o elenco ainda não estava completo. Nesta quinta-feira, 9, o Frizão encara o Serra Macaense, naquele que deve ser o último teste antes da estreia na Copa do Brasil. O Tricolor recebe o Oeste no próximo dia 15, às 20h30, no Eduardo Guinle. Até o momento quatro reforços foram contratados oficialmente pelo clube: o zagueiro Roberto Junior, o lateral direito Léo (que jogou a Copa Rio pela equipe, mas havia deixado o Frizão no final do ano passado) e os atacantes Wender e Ricardo. Na comparação com o time que conquistou a Copa Rio em campo, o Friburguense não conta mais com o goleiro Luiz Felipe, o volante Vitinho e o atacante Lohan, todos emprestados ao Resende.

A Copa do Brasil

O novo regulamento da Copa do Brasil traz algumas novidades, como por exemplo o jogo único nas primeiras fases. O Friburguense possui o direito de jogar em casa pela colocação no Ranking Nacional de Clubes (o Frizão ocupa a posição 207). No entanto, o Oeste terá a vantagem do empate. As principais novidades da Copa do Brasil para a edição de 2017 são as duas primeiras fases disputadas em jogo único, e os clubes campeões das Copas Verde e Nordeste entrando nas oitavas de final, e não mais na Sul-Americana. A primeira fase conta com 80 clubes, 70 das competições estaduais e dez pelo Ranking de Clubes da CBF.

A segunda fase terá 40 clubes, afunilando até a quinta Fase (Oitavas de Final), 16 clubes, contendo os cinco clubes classificados na quarta fase; os sete clubes participantes da Taça Libertadores de 2017 (Palmeiras, Flamengo, Santos, Atlético-MG, Botafogo, Atlético-PR e Grêmio - Campeão da Copa do Brasil); o campeão da Copa Sul-Americana de 2016 (Chapecoense-SC) e os campeões de três competições da CBF em 2016: Copa do Nordeste, Copa Verde e Campeonato Brasileiro da Série B. O restante prossegue no sistema de mata-mata, já conhecido pelo torcedor.

Foto da galeria
Técnico Merica enxerga evolução do Friburguense nos últimos amistosos realizados
TAGS: amistoso | Copa do Brasil