Testemunha da história, há 50 anos A VOZ DA SERRA noticiava centenário da matriz

Catedral São João Batista completa um século e meio neste dia 8 de dezembro
segunda-feira, 09 de dezembro de 2019
por Jornal A Voz da Serra
Dom Orani Tempesta presente nas comemorações dos 150 anos da catedral (Fotos de leitor)
Dom Orani Tempesta presente nas comemorações dos 150 anos da catedral (Fotos de leitor)

Há 50 anos A VOZ DA SERRA detalhava as celebrações do centenário da Catedral São João Batista, a matriz, em Nova Friburgo, que agora completa 150 anos. Em sua edição de 6 e 7 de dezembro de 1969, o jornal noticiava os festejos do centenário da igreja matriz de Nova Friburgo.

Na ocasião, o colunista Pedro Cúrio escreveu em sua “Ordem do Dia” o texto "Natalício da Catedral", que dizia: “A nossa ex-Igreja matriz, hoje Catedral do Bispado de Nova Friburgo, completará 100 anos de inauguração, pois, em 1869, conforme escreveu o saudoso monsenhor José Silvestre Alves de Miranda, em seu interessante trabalho ‘Histórico da Paróquia de São João Batista’, naquele dia ‘foi inaugurada a simpática Igreja Matriz da Paróquia de São João Batista, da Vila de Nova Friburgo, hoje formosa cidade serrana’”.

Os 150 anos da Catedral

A Catedral São João Batista, conhecida como a “Igreja Mãe da Diocese”, completou este mês 150 anos e, para celebrar a data, foi celebrada uma missa em ação de graças com direito a corte de um bolo com dez metros de comprimento ao final da celebração para promover a confraternização entre os presentes. A cerimônia religiosa foi realizada neste domingo, 8, dia da padroeira da Diocese de Nova Friburgo, Nossa Senhora Imaculada Conceição.

A missa foi presidida pelo bispo Dom Edney Gouvêa Mattoso, e contou com a participação do cardeal arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta. A comemoração do Jubileu da Catedral teve início em 8 de dezembro do ano passado. Desde então, diversas atividades religiosas e culturais estão sendo promovidas para marcar esta ocasião. Além disso, as capelas do Santíssimo Sacramento e do Batismo, ns laterais da catedral, passaram por um processo de restauração, com recuperação das pinturas originais do templo.

A história da catedral

Fundada em 8 de dezembro de 1869, a Catedral São João Batista levou 40 anos para ser construída. O padre Jacob Joye, que veio com os suíços para a cidade em 1819, foi quem conseguiu o terreno com o Barão de Nova Friburgo. Além disso, ele foi o primeiro padre da catedral. Em 2014, em celebração aos 145 anos do templo, aconteceu a restauração do presbitério da catedral, sendo inaugurado oficialmente no dia 25 de janeiro de 2015 pelo núncio apostólico no Brasil (representante do papa), Dom Giovani d’Aniello. Em 2019, teve início a restauração das capelas do Santíssimo Sacramento e do Batismo em comemoração aos 150 anos da matriz.

 

TAGS: