Suspiro pode ganhar em breve relógio-termômetro no estilo Gramado

Empresa parceira quer doar e manter o equipamento em troca de explorar publicidade
terça-feira, 30 de julho de 2019
por Fernando Moreira (fernando@avozdaserra,com.br)
O relógio-termômetro de Gramado (RS) - Divulgação
O relógio-termômetro de Gramado (RS) - Divulgação

Além das inúmeras belezas naturais como montanhas, trilhas e cachoeiras, o teleférico, a moda íntima, hotéis, pousadas e o clima típico da Região Serrana, Nova Friburgo está prestes a ganhar mais um importante atrativo para o turismo local: um relógio-termômetro nos mesmos moldes dos existentes em Gramado, no Rio Grande do Sul. A ideia é instalar o equipamento na Praça do Suspiro, numa posição estratégica, de modo que a Igreja de Santo Antônio e o teleférico sirvam como pano de fundo dos registros feitos por friburguenses e turistas.

A informação foi obtida em primeira mão por A VOZ DA SERRA, que ouviu com exclusividade o secretário de Turismo do município, Pablo Sprei: “Essa é uma grande conquista para Nova Friburgo porque a Praça do Suspiro é o coração da cidade no que tange o turismo. Também é um local bastante emblemático porque se tornou a imagem da reconstrução do município depois de tudo o que aconteceu na tragédia climática de 2011”, disse o secretário.

Ainda de acordo com Pablo Sprei, a conquista se dará através de uma parceria com uma empresa de fora, mas que tem atuação em Nova Friburgo. O equipamento será doado por essa empresa parceira, que também ficará responsável pela manutenção do relógio-termômetro, que informará as horas, a data e a temperatura. Em contrapartida, a companhia poderá explorar o espaço com publicidade. O nome da empresa ainda não foi divulgado, porque falta ainda a assinatura do contrato para a formalização da parceria.

A ideia é transformar o termômetro-relógio em mais um ponto turístico de Nova Friburgo, explorando as baixas temperaturas do município, fator que atrai milhares de turistas todos os anos à cidade, aproveitando outros atrativos da Praça do Suspiro, como a Igreja de Santo Antônio e o teleférico.

 

TAGS: Turismo | Clima