Seis atletas de Friburgo participam do 28º Ibitipoca Off Road

Todos superaram problemas mecânicos, tiveram desempenhos importantes e voltaram para casa com resultados positivos e boas histórias
terça-feira, 15 de agosto de 2017
por Vinicius Gastin
Prova desafiou competidores pelos 350km entre Juiz de Fora e Ibitipoca
Prova desafiou competidores pelos 350km entre Juiz de Fora e Ibitipoca

De Juiz de Fora a Ibitipoca, seis pilotos de Nova Friburgo enfrentaram um dos maiores desafios quando o assunto é rally de motos. Integrantes da equipe Friburgo Off Road, eles participaram da 28ª edição do Ibitipoca Off Road, considerado a prova de enduro mais competitiva e charmosa do Brasil. Todos os friburguenses superaram problemas mecânicos, tiveram desempenhos importantes e voltaram para casa com resultados positivos e boas histórias para contar.

A competição é realizada durante todo um fim de semana. No primeiro dia é dada a largada na cidade de Juiz de Fora, e os competidores partem com destino a Ibitipoca. Nesta edição os organizadores afirmam que 450 atletas marcaram presença e desafiaram os 350km de prova: foram 190 no dia inaugural, concluídos em sete horas e 20 minutos, e mais 160km no segundo dia, percorridos em seis horas e 30 minutos.

Os seis pilotos de Nova Friburgo foram divididos em quatro categorias. Douglas Schumacker e Wanderson Mayer “Sheik” competiram na categoria dupla júnior, e além dos obstáculos naturais, ainda enfrentaram problemas com a moto no logo primeiro dia. Desta forma perderam tempo para realizar o conserto e voltar para a prova, terminando o dia na 16ª colocação. Na segunda etapa, já largaram sabendo que teriam que buscar o resultado, e ainda assim conseguiram a segunda colocação. No geral, a reação da dupla rendeu a sétima posição geral.

Na mesma categoria, Paulo Roberto e Sérgio conseguiram o 12º lugar no primeiro dia. Já no segundo, a dupla também buscava o resultado para terminar a prova top 10, mas Paulo Roberto teve uma queda que atrapalhou os planos e tirou a dupla da disputa. A 16ª colocação no segundo dia rendeu à dupla a 15ª posição no geral. Já na categoria novato, Girlan Chimenes, estreante na competição, teve problemas com o suporte do equipamento de navegação e não pôde continuar a navegar logo no primeiro dia. Ainda assim continuou na competição e concluiu os 350km de prova.

Na categoria Dupla Graduado, Maicon Corguinha e Joelson Pereira também enfrentaram adversidades, mas alcançaram resultados interessantes. No primeiro dia eles sofreram com o furo de um dos pneus da moto, perderam tempo até a troca do equipamento e conseguiram um oitavo lugar. A quinta colocação no segundo dia rendeu a sexta posição na classificação geral.

 

TAGS: