Prefeitura repinta faixas e anuncia "Traffic Calm" no Paissandu

Chamada popularmente de lombada, proposta é espalhar redutores de velocidade nas áreas de travessia por várias ruas da cidade
sexta-feira, 16 de março de 2018
por Dayane Emrich (dayane@avozdaserra.com.br)
Pedestre atravessa na faixa recém-pintada da Rua Dante Laginestra com a Eugênio Muller (Fotos: Henrique Pinheiro)
Pedestre atravessa na faixa recém-pintada da Rua Dante Laginestra com a Eugênio Muller (Fotos: Henrique Pinheiro)

Quem passa pelas ruas Ernesto Brasílio e Prefeito José Eugênio Muller já deve ter notado uma diferença no piso. Depois de um longo período expondo os pedestres a riscos, as faixas de sinalização horizontal -- que estavam apagadas e desgastadas -- foram repintadas por funcionários da prefeitura.

“Fiquei surpresa ao passar aqui hoje e ver que as faixas foram pintadas novamente. Sabemos que devemos atravessar somente na faixa, mas sem ela fica difícil, não é mesmo?”, brincou a estudante Daniella Santos, acrescentando: “Estava mesmo na hora da prefeitura dar um jeito na situação”.

Para o motorista Caio Oliveira, a recuperação da sinalização horizontal também beneficia quem está ao volante. “Antes os pedestres estavam atravessando ao longo de toda a via, já que os locais de travessia não estavam indicados. Acho um absurdo quem não para na faixa mas, espero que agora os pedestres respeitem a regra também e só atravessem em local apropriado”, disse.

De acordo com o governo municipal, além de algumas ruas do Centro, outras localidades, entre elas Conselheiro Paulino, Cônego, Lumiar e a Via Expressa, também estão sendo atendidas. A melhoria começou por áreas de maior movimento na cidade e tem como objetivo, é claro, a segurança de toda a população. Ainda segundo a prefeitura, o próximo bairro a receber os trabalhos será Olaria e, em breve, outras localidades.

Em nota enviada à redação, a prefeitura anunciou ainda que instalará  faixas “Traffic Calm”, no Paissandu -- entre a Rua José Tessarolo dos Santos (antiga Baronesa) e a Avenida Conselheiro Julius Arp. Traduzidas como “tranquilização do tráfego”, mas popularmente conhecidas como lombadas de concreto, elas são quebra-molas combinadas a faixas de pedestres, semelhantes as que foram instaladas na Rua General Osório, no Centro.

“Elas [as faixas estilo Traffic Calm] garantem a segurança na travessia do pedestre e, por isso, estamos estudando a sua instalação em outro pontos da cidade”, disse trecho do documento.

Mais facilidade e segurança nas travessias

As lombadas de concreto da Rua General Osório foram instaladas em julho de 2016. Na época, a Secretaria de Ordem e Mobilidade Urbana (Smomu) explicou que o objetivo da instalação era inibir o excesso de velocidade na via, que concentra diversas escolas, clínicas médicas e hospitais.

Ao todo, há três quebra-molas de concreto na rua. Eles são ligeiramente acima do nível do pavimento da via, na altura da calçada e ocupam toda a largura das faixas de rolamento. Além de ser menos prejudicial para o sistema de suspensão do veículo, o redutor proporciona mais facilidade e segurança para travessia de crianças, idosos e portadores de necessidades especiais.

TAGS: Trânsito | obra