Papai Noel arrecada cestas básicas para distribuir entre famílias carentes

Luiz Augusto trabalha como Papai Noel em troca de doação de alimentos
segunda-feira, 23 de dezembro de 2019
por Jornal A Voz da Serra
(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

O verdadeiro sentido do Natal está na união da magia da celebração com a solidariedade. Nesse sentido, Luiz Augusto Pires de Almeida, 74 anos, é destaque. Há 53 anos, ele se veste de Papai Noel no final do ano e ajuda famílias carentes de Nova Friburgo. 

Empresário aposentado, a questão social sempre o preocupou. Começou distribuindo brinquedos que ele arrecadava entre familiares e amigos, para crianças carentes. Passou, também, a virar Papai Noel todo ano, figura que lhe caiu como uma “luva”, com seus olhos puxados, barba e cabelos branquinhos.

Esse ano, Luiz Augusto realizou uma ação em conjunto com o supermercado Serra Azul, de Friburgo. Ele trabalhou no período de seis dias como o Papai Noel do supermercado, tirou fotos com as crianças, ouviu seus pedidos e ganhou muitos abraços. Em troca pelo serviço, recebeu cestas básicas que distribuiu para 58 famílias carentes, moradoras dos bairros de Amparo e Conselheiro Paulino, cadastradas e visitadas por ele.

O sentimento de realização é explicado por Luiz Augusto: “é uma alegria imensa para mim. Todos os dias quando acordo, tenho como meta ser melhor do que fui ontem. Tenho uma preocupação com essas pessoas que tanto precisam, e me vestir de Papai Noel e ajudá-las é como se fosse uma missão”.

Além da arrecadação de alimentos, Luiz Augusto é o famoso Papai Noel do Lar Abrigo Amor a Jesus (Laje), instituição filantrópica que abriga idosos. No dia 23, ele participou da confraternização, levou alegria e fez muita gente feliz, principalmente crianças, com brincadeiras e entrega de presentes.

As entregas das cestas básicas para as famílias começaram na semana passada. O Bom Velhinho faz questão de entregar pessoalmente, conversar um pouco, receber e doar mais carinho. “Enquanto Deus me permitir e tiver saúde, vou continuar com esse projeto”, ressaltou Luiz Augusto. 

 

TAGS: Natal