Nova lei incentiva produção agrícola no Estado do Rio

Medida vai contemplar Plano Estadual de Orgânicos e ações voltadas para produtores rurais
segunda-feira, 04 de novembro de 2019
por Jornal A Voz da Serra
Witzel assina a nova lei (Divulgação/ Philippe Lima)
Witzel assina a nova lei (Divulgação/ Philippe Lima)

O governador Wilson Witzel sancionou uma lei que beneficia agricultores estaduais. Acompanhado do vice-governador, Cláudio Castro, e do secretário de Agricultura, Marcelo Queiroz, ele afirmou que a medida vai melhorar o desempenho no segmento. Um dos principais objetivos da nova lei é incentivar os sistemas agrícolas do estado e oferecer produtos saudáveis à população, além de incentivar a integração entre os diferentes setores da cadeia produtiva e de consumo de produtos orgânicos, com ênfase nos mercados locais e regionais.

“Essa nova lei vai melhorar o desempenho da agricultura. Nosso grande desafio é aumentar a agricultura no nosso estado. Para isso precisamos ampliar a nossa produção agrícola e dar atenção especial ao produtor”, afirmou o governador. A lei também irá contemplar o Plano Estadual da Produção de Orgânicos, no qual produtores deverão ser identificados e haverá um planejamento de ações para expandir a agropecuária orgânica fluminense, além do zoneamento da Produção de Orgânicos, com o objetivo de proteger as áreas de cultivo e realizar obras de infraestrutura na zona rural.

Com isso, o Governo do Estado do Rio de Janeiro poderá contratar produtores rurais para fornecer alimentos a refeitórios de unidades públicas estaduais, como os hospitais e às escolas públicas do Rio. O poder executivo também poderá conceder incentivos fiscais para o desenvolvimento da agropecuária orgânica. A gestão da política ficará a cargo da Secretaria estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento. “A agricultura do futuro será totalmente sustentável. Trata-se de um excelente projeto. A sustentabilidade será a marca da agricultura fluminense”, afirmou Queiroz.

TAGS: