Nova Friburgo Criativa quer formar artesãos sustentáveis

Projeto tem objetivo de promover reaproveitamento dos resíduos de confecções e de indústrias locais
quarta-feira, 13 de novembro de 2019
por Jornal A Voz da Serra
O encontro com os artesãos (Foto: PMNF)
O encontro com os artesãos (Foto: PMNF)

Esta semana a Prefeitura de Nova Friburgo promoveu um encontro de sensibilização dos artesãos do município para a implantação do projeto Nova Friburgo Criativa. A iniciativa tem o objetivo de fortalecer a sustentabilidade, através do reaproveitamento dos resíduos de confecções e de indústrias locais. Para isso, serão disponibilizados cursos que ensinarão os artesãos a reutilizarem esses materiais na produção de peças, desde a decoração até utensílios domésticos.

O encontro com instrutores, artesãs e parceiros, aconteceu no Centro de Formação Profissional para a Indústria do Vestuário (Cevest), onde serão realizadas as capacitações para o projeto. A idealizadora e coordenadora do Nova Friburgo Criativa, Cristina Bravo, destacou, na oportunidade, que, com ajuda dos parceiros, a qualificação será voltada para transformar os artesãos friburguenses em empreendedores sustentáveis.

“Esse é um sonho antigo de qualificar cada vez mais o artesanato feito em Nova Friburgo. E esse projeto é voltado para quem trabalha com artesanato como para quem trabalha com artes manuais. Essa iniciativa da prefeitura, terá realização através da Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia e contará com diversos parceiros para incentivar a valorização do meio ambiente e cursos para formação de preços e gestão”, observou Cristina Bravo.

A expectativa da prefeitura é que o projeto Nova Friburgo Criativa valorize ainda mais o importante potencial do artesanato local. “Acredito que através do aprimoramento profissional possibilitaremos a geração de renda e mudança de realidades em nosso município”, completou Cristina. Já o secretário de Ciência e Tecnologia, Marcelo Verly, informou que a primeira turma de capacitação desse novo projeto será voltada para os antigos alunos e terá como pré-requisito já ter concluído o curso de artesanato.

As inscrições serão feitas em dezembro no site da prefeitura. Na primeira fase serão disponibilizadas 85 vagas. O lançamento oficial do projeto está marcado para 6 de dezembro, às 16h.

 

 

TAGS: Meio Ambiente