Multidão faz fila por vagas de emprego em supermercado

Desempregados ficam 5 horas sob sol forte para entregar currículos. Nova filial do Serra Azul será inaugurada no fim do ano
quinta-feira, 27 de setembro de 2018
por Alerrandre Barros (alerrandre@avozdaserra.com.br)
Em busca de uma chance, candidatos enfrentaram uma longa espera para entregar currículos (Fotos: Henrique Pinheiro)
Em busca de uma chance, candidatos enfrentaram uma longa espera para entregar currículos (Fotos: Henrique Pinheiro)

A busca por um emprego levou centenas de pessoas a formarem uma fila quilométrica às margens da RJ-148 (Nova Friburgo-Carmo), no distrito de Conselheiro Paulino, nesta quinta-feira, 27. Teve candidato que ficou cinco horas esperando para entregar o currículo para uma das vagas abertas na nova unidade do supermercado Serra Azul, que tem inauguração prevista para o fim do ano.

Entre as funções de operadora de caixa, açougueiro, atendente, fatiador, repositor de mercadorias, empacotador, motorista (CNH D), entregador, estoquista, recepcionista, auxiliar de serviços gerais, operador de estacionamento e ajudante de padeiro, a empresa oferece cerca de 150 vagas. O recebimento de currículos continua nesta sexta-feira, 28, e vai até sábado, 29, sempre das 9h às 12h, e das 13h às 17h.

Por volta das 7h desta quinta-feira, 27, duas horas antes da abertura dos portões, a fila já estava dando volta no quarteirão onde está sendo construída a nova filial do supermercado, entre o condomínio Terra Nova e o loteamento Parque Maria Teresa. No final da fila, Maria de Fátima Oliveira, de 48 anos, se protegia do sol com uma sombrinha enquanto carregava em uma pasta o currículo e outros documentos. “Soube das vagas pelas redes sociais. Estou procurando emprego há seis meses, mas não consegui nada ainda. Estou aceitando qualquer oportunidade, não tenho preferências. Preciso trabalhar”, disse ela, que mora em Olaria e tem experiências com serviços gerais.

Com o sol à pino, por volta do meio-dia, quem estava na fila, dividia a sombra dos guarda-chuvas. Outros sentavam no meio-fio da calçada e tentavam amenizar o calorão com as pastas de documentos. Funcionários do Serra Azul distribuíram senhas e garrafas d’água para os candidatos. Dentro do prédio de três andares, cujas obras ainda não foram concluídas, dezenas de pessoas aguardavam, sentadas em cadeiras, serem chamadas pelos seis avaliadores. Havia uma mesa com biscoitos e café para os candidatos.

“Eu cheguei às 7h, e só entrei no prédio agora, ao meio-dia. Moro no Perissê e estou desempregado há quatro meses. Tenho experiência como operador de caixa, mas aceito vaga embalador, repositor, qualquer vaga que estiver disponível”, disse Rafael Guimarães, de 30 anos.

Os candidatos devem ter mais de 18 anos e precisam levar, de acordo com a empresa, currículo, uma foto 3x4 e cópias das carteira de trabalho, da identidade, do CPF e de um comprovante de residência. A primeira etapa da seleção consiste na análise de currículo e entrevista prévia, realizada no próprio local. Os selecionados serão chamados para a próxima etapa, que acontecerá em outubro. O Serra Azul oferece salário compatível com o mercado e pacote de benefícios.

“Nós esperávamos uma quantidade significativa de pessoas, tendo em vista que o desemprego está alto, mas, quando cheguei aqui, por volta das 7h30, levei um susto. Até o meio-dia, havíamos atendido cerca de 150 pessoas. Até sábado, 29, esse número deve passar de mil”, estimou o gestor de RH do supermercado, Patrick Muzi.

Instalada numa área que cresceu muito nos últimos anos, devido à construção do condomínio Terra Nova para vítimas da tragédia de 2011, a nova unidade do Serra Azul deve ser inaugurada em novembro. Será o quarto grande mercado a entrar funcionamento em Conselheiro Paulino. O Serra Azul é conhecido por seus preços competitivos. Nos tradicionais aniversários da empresa, as ruas do bairro São Geraldo, onde está localizada a matriz, costumam ficar congestionadas devido a grande procura de clientes pelas promoções do supermercado.

TAGS: Emprego