Jones Canto vence eleição e passa a comandar o Frizão

Conselheiros e beneméritos do clube foram às urnas para definir o novo presidente
segunda-feira, 12 de novembro de 2018
por Vinicius Gastin
Jones da Costa Canto
Jones da Costa Canto

O Friburguense viveu um dia importante neste domingo, 11. Conselheiros e beneméritos do clube foram ás urnas para definir o novo presidente, e a maioria escolheu Jones da Costa Canto para o seu segundo mandato. O pleito aconteceu na sede social, em clima tranquilo e sem nenhum registro de problema. A contagem dos votos foi rápida, e Jones foi o preferido de 42 eleitores. Candidato da oposição, Cláudio Hebis Dutra foi votado por três pessoas. Segundo determina o Estatuto do Friburguense, estavam aptos a votar um total de 30 conselheiros e 27 beneméritos.

“A eleição é sempre um processo democrático, onde todos podem participar. É um momento com alegria e descontração, como a gente observou neste domingo. Torço para que seja feito um brilhante mandato a frente do Friburguense, e estaremos unidos. Eu vou estar sempre pronto a ajudar, pois o clube está acima de tudo, é o nosso motivo de orgulho”, avalia o atual presidente Wagner Faria.

Sócio do Tricolor da Serra há anos, o empresário esteve à frente do Conselho Diretor entre 2001 e 2003, e a partir do ano que vem, substitui Wagner Faria, que está em seu último ano de segundo mandato, pelo próximo triênio (2019/2021). Além de presidente, Jones já exerceu diversos cargos no clube, e inclusive fez parte da atual diretoria. Ele faz parte de um grupo de associados que se uniu há anos para ajudar na gestão do clube.

“O nosso grupo está montado desde 1999. São 33 pessoas que vêm mantendo o clube, com um presidente e os conselheiros. O nosso objetivo é sempre buscar o melhor para o Friburguense. O que queremos para agora é levar o nosso futebol de volta à primeira divisão do estadual. A parte administrativa do clube, visual, está tudo tranquilo e bem arrumado. O foco mesmo é o futebol”, afirma o presidente eleito.

 Com as contas em dia e situação estável, a parte social do Friburguense terá a manutenção como prioridade. O primeiro discurso do Jones Canto após a eleição mostra que o direcionamento dos esforços será maior para o futebol profissional, que terá a estrutura administrativa mantida e continuará sendo comandado pelo gerente José Siqueira, o Siqueirinha. “Já tive duas reuniões com o Siqueira. Vamos manter essa estrutura do futebol, e se tudo correr bem, vai continuar por mais dois anos.”

TAGS: