Frizão desmente especulação sobre interesse no goleiro Bruno

Em contato com A VOZ DA SERRA, o gerente de futebol do Friburguense, José Siqueira, descartou qualquer hipótese de o Tricolor da Serra contar com o goleiro
sábado, 04 de março de 2017
por Vinicius Gastin
Frizão desmente especulação sobre interesse no goleiro Bruno
A possibilidade de o goleiro Bruno, ex-atleta do Flamengo, vestir a camisa do Friburguense causou um verdadeiro alvoroço nas redes sociais e nas rodas de conversa pelas esquinas de Nova Friburgo no final desta semana. Opiniões favoráveis e contrárias foram colocadas, e o assunto envolvendo o jogador, libertado no dia 24 de fevereiro depois de um longo período preso, gerou bastante discussão. No entanto, tudo não passou de especulação de alguns veículos de imprensa do Rio de Janeiro. Em contato com A VOZ DA SERRA, o gerente de futebol do Friburguense, José Siqueira, descartou qualquer hipótese de o Tricolor da Serra contar com o goleiro. De acordo com o dirigente, a chance sequer foi cogitada pelo clube em momento algum.

O Friburguense vem a público esclarecer que não há interesse na contratação do goleiro Bruno
Na rede social oficial do Frizão, uma nota foi publicada pela assessoria de imprensa para esclarecer o assunto e colocar fim a qualquer tipo de dúvida. O clube destaca que o jogador não se enquadra na filosofia de trabalho, que há alguns anos é baseada na manutenção de uma espinha dorsal e investimento na base para repor os atletas que deixam Nova Friburgo, limitado por uma condição financeira bem aquém dos rivais de mesmo porte.

O Friburguense vem a público esclarecer que não há interesse na contratação do goleiro Bruno. Essa hipótese, ventilada por alguns órgãos da imprensa, sequer foi cogitada em algum momento pelo clube. Todas as informações nas redes sociais e sites de notícia a respeito do suposto interesse não procedem. O clube respeita o profissional, a sua qualidade, mas o perfil não se encaixa na atual filosofia de trabalho do Friburguense. No mais, o Tricolor segue planejando contratações para fortalecer o elenco para a disputa da série B do campeonato carioca.”

Bruno estava preso em Belo Horizonte, onde cumpria pena de 22 anos e três meses de prisão pelo sequestro, assassinato e ocultação de cadáver de Eliza Samudio, com quem teve um filho. A defesa do jogador conseguiu no último dia 21 de fevereiro habeas corpus para que o atleta fosse libertado. Desde então diversos clubes manifestaram interesse em abrir as portas e oferecer uma nova chance ao goleiro. O Friburguense, portanto, não é um deles.

TAGS: Friburguense