Friburgo Vôlei Master abre temporada com torneio no ES

Equipe planeja chegar forte no Campeonato Brasileiro, no final do ano, para tentar superar a boa participação de 2017
terça-feira, 03 de abril de 2018
por Vinicius Gastin (esportes@avozdaserra.com.br)
A equipe de 2017: reforços vieram de municípios vizinhos para fortalecer o Friburgo Vôlei
A equipe de 2017: reforços vieram de municípios vizinhos para fortalecer o Friburgo Vôlei

O ano de 2018 promete bastante para o Friburgo Vôlei Master. Com um calendário repleto, a equipe planeja chegar forte no Campeonato Brasileiro, no final do ano, para tentar superar a boa participação de 2017. O primeiro dos diversos desafios foi o torneio realizado no último fim de semana em Guarapari, no Espírito Santo, com participação de atletas de várias partes do Brasil. Dentre os adversários estão a equipe de Campos (tradicional rival dos friburguenses) e times de São Paulo, Espírito Santo e Minas Gerais.

Com muitos desfalques, apenas seis do grupo de 25 jogadores compareceram e a equipe friburguense terminou o torneio na quarta colocação. Para conseguir montar a equipe, o Friburgo Vôlei Master teve que contar com o reforço de três jogadores de Niterói. Na primeira partida, o time friburguense foi derrotado pelo Campos por 2 a 0.

A reabilitação veio na sequência, com a vitória por 2 a 0 sobre o Vôlei Capixaba. No entanto, no terceiro duelo, houve novo revés, desta vez por 2 a 1 para o Quiosque 12 (equipe formada por atletas mineiros e capixabas).

O Friburgo Vôlei Master, na categoria acima de 45 anos, participa da temporada com uma equipe formada por atletas do município e de outras cidades, à exemplo de Teresópolis, Além Paraíba e Maricá. Apesar das distâncias e das dificuldades para reunir toda a equipe, há uma rotina de treinos nos fins de semana. “Também há uma conciliação com o trabalho, mas todos nos cuidamos, pois é um esporte de impacto”, afirma Fernando Miranda, técnico e um dos responsáveis pelo projeto.

Até mesmo pelas condições físicas um pouco mais limitadas, o regulamento das competições de master (categoria que reúne atletas a partir dos 35 anos) possui uma série de adaptações. O número de substituições, por exemplo, é aumentado de seis para 12, enquanto o número de sets vencedores é de dois, ao invés dos três tradicionais.

Apenas nesse primeiro semestre, o time master vai participar de quatro competições. Já no próximo domingo, 8 de abril, acontece a primeira do Campeonato Estadual Máster, no Canto do Rio, em Niterói.

 Na sequência o Friburguense será anfitrião em um torneio organizado pela equipe, com a coordenação de Fernando Miranda, promovido nos próximos dias 21 e 22 no ginásio Helena Deccache, do Friburguense.

 Estão confirmadas as participações das equipes Phoenix (RJ); Estácio, de Nova Friburgo, VoleiRO's (Rio das Ostras); Lazio (São Gonçalo); Rio Vôlei das Ostras (Rio das Ostras) e Cariocas da Gema (RJ), além dos times do Friburgo Vôlei Master categorias 35 e 45 anos.

O quarto compromisso é a Liga Serrana de Voleibol, que está sendo formada por Nova Friburgo, Teresópolis e Petrópolis, além de Cordeiro, Cachoeiras de Macacu e outros municípios da região a nível adulto. “O nosso objetivo, do time de jogadores na faixa dos 45 anos, é pegar jogos mais velozes e chegar na nossa categoria mais bem preparados. A Liga Serrana como um todo visa resgatar o voleibol em nossa região e fortalecer esse intercâmbio entre as cidades, de onde podem surgir novos valores”, disse Miranda.

Toda a agenda de compromissos também faz parte da preparação para o objetivo principal: a disputa do Campeonato Brasileiro em novembro, no Centro de Treinamento da Confederação Brasileira de Vôlei, em Saquarema. “A nossa intenção é iniciar os treinamentos e a participação em competições com foco total no Brasileiro. Mas nesse meio tempo, nós planejamos jogar os campeonatos de Master de Santos, Brasília, no Sul do país e o Estadual do Rio de Janeiro, no primeiro e segundo turno. Queremos rodar a equipe para pegar ritmo em um total de sete competições”, afirma

No Brasileiro do ano passado, o Friburgo Volei Master participou em duas categorias masculinas, 35 e 45 anos. Em sua primeira participação na categoria de 45 anos, que contou com 22 equipes, Nova Friburgo conquistou o sétimo lugar, perdendo nas quartas de final para o campeão Círculo Militar, do Paraná, em jogo equilibrado com parciais de 20-25 e 27-29. Esta foi a primeira participação nesta faixa etária.

Já na categoria 35 anos o evento contou com 17 equipes, e o Friburgo Vôlei conquistou o 14º lugar. Nas oitavas de final, em sua última participação, a equipe teve vários desfalques importantes diante do Mundo Vôlei, que seria a campeã da competição. O time friburguense perdeu com parciais de 18-25 e 23-25.

TAGS: volêi