Friburgo teve a visita do líder máximo da Igreja Messiânica no Brasil

Para os seguidores de Meishu-Sama, trata-se de uma permissão espiritual sem precedentes
quinta-feira, 17 de maio de 2018
por Paula Farsoun
O ministro Marcelo Mercadante, responsável pela Igreja Messiânica em Nova Friburgo
O ministro Marcelo Mercadante, responsável pela Igreja Messiânica em Nova Friburgo

Por ocasião do bicentenário, Nova Friburgo ganhou mais um presente: a Igreja Messiânica recebeu seu presidente, Reverendo Marco Antonio Baptista Resende, que veio à cidade para celebrar e agradecer por todas as bênçãos recebidas pelo povo friburguense, pelos ancestrais que dignificaram a região e para orar pela paz, a saúde e prosperidade de todos os cidadãos. A VOZ DA SERRA convidou o ministro Marcelo Mercadante, responsável pela unidade religiosa de Nova Friburgo, para conceder uma entrevista e explicar o significado da visita do presidente da Igreja Messiânica a Nova Friburgo sob a ótica dos messiânicos.

AVS: O que é a Igreja Messiânica Mundial?

Ministro Marcelo Mercadante: A Igreja Messiânica Mundial foi fundada por Meishu-Sama no Japão em 1935 e chegou ao Brasil em 1955. Seu objetivo é criar uma civilização espiritual e materialmente desenvolvida, tornando possível o estabelecimento do paraíso terrestre. Para a criação dessa civilização, a nossa igreja busca formar pessoas espiritualistas, que acreditam em Deus e no mundo espiritual e, altruístas, que tenham em seu caráter o hábito de praticar o amor ao próximo. Dentre as práticas messiânicas destacamos o Johrei, a agricultura natural e o belo.

O que significa a vinda do presidente da Igreja no Brasil à Nova Friburgo no dia em que a cidade comemora seus 200 anos?

Essa visita se reveste de uma grande importância para todos nós messiânicos e para todo o município, por ser o presidente da Igreja a representação maior da liderança messiânica no Brasil. Nós acreditamos, à luz dos ensinamentos do Mestre Meishu-Sama, fundador da igreja no Japão, que Deus atua por meio da ordem e, portanto, aquele que está respeitosamente no topo da hierarquia, carrega consigo uma força espiritual grandiosa, capaz de levar muita luz às pessoas.

É, então, um presente para nosso município?

Sim. É uma permissão espiritual sem precedentes. Nós acreditamos que é uma conquista e um presente aos antepassados e pioneiros da cidade e de todos os membros que há mais de 40 anos vieram se esforçando para edificar essa unidade religiosa em Nova Friburgo e também um legado às presentes e futuras gerações, já que estamos todos interligados por elos espirituais.

Os messiânicos farão uma oração especial pela paz mundial na Praça Getúlio Vargas, considerado marco geodésico do Estado do Rio de Janeiro...

Sim. Desde o início de 2018 estão sendo feitas orações pela paz mundial em todas as unidades da Igreja Messiânica no Brasil e no mundo. Nova Friburgo situa o marco geodésico, o centro geográfico do Estado do Rio de Janeiro. O grande objetivo é que no dia do bicentenário, possamos nos unir para a oração especial em prol da paz mundial com o intuito de que a Divina Luz se expanda a partir desse ponto a todos os locais conflituosos e com problemas sociais. Diante disso, neste dia tão importante, convidamos a todos para em sintonia, unirmos nossos pensamentos e sentimentos pela paz nos lares, nos bairros, na cidade, no Estado, no país e no mundo. Que as preces sejam atendidas.

 “Quando vejo alguém se empenhando pelo bem do próximo e do mundo, tenho a sensação de estar vendo um diamante entre o cascalho.” Meishu-Sama

TAGS: