Esquentando os tamborins

segunda-feira, 01 de fevereiro de 2016
por Jornal A Voz da Serra
Concurso de Fantasias no Nova Friburgo Country Clube, 2012. Yeda Rocha, com a fantasia Soberana Natureza (Foto: Leonardo Vellozo)
Concurso de Fantasias no Nova Friburgo Country Clube, 2012. Yeda Rocha, com a fantasia Soberana Natureza (Foto: Leonardo Vellozo)

AS ESCOLAS de samba e os blocos carnavalescos fizeram no último domingo, 31 de janeiro, o ensaio técnico para o desfile na Avenida Alberto Braune e certamente saíram de lá aguardando ansiosamente a festa nos quatro dias de momo. Além dos componentes dos blocos e escolas, milhares de foliões puderam acompanhar com vibração a passagem das agremiações, prometendo dias de muita alegria e descontração.

A PROGRAMAÇÃO do carnaval divulgada pela Prefeitura inclui outros ingredientes que vão além dos bailes programados para o período. Acompanha a festa, associada ao entretenimento durante o feriadão, diversas programações turísticas com ênfase para o ecoturismo e a gastronomia, com destaque para a região dos distritos de Mury, Lumiar e São Pedro da Serra.

A GASTRONOMIA friburguense é um prato cheio para quem deseja fazer novas políticas de incentivo ao turismo no município. Por sua comida repleta de sabores, Nova Friburgo não fica nada a dever a outros centros gastronômicos do estado do Rio e agora no carnaval estará novamente botando a mesa, preparando mais serviços para os turistas.

ENQUANTO a batucada promete leve e solta pelas ruas centrais de Nova Friburgo, atraindo milhares de foliões em busca da alegria do carnaval, outra festa também atrai turistas que aproveitam as belezas da terra e igualmente movimentam a economia do município. A região de Lumiar e o seu entorno faz a festa de quem não quer saber de momo.

POUSADAS com bastante reservas, restaurantes requisitados e o consumo no comércio em geral marcam os quatro dias do feriadão “off-road” de visitantes de todos os lugares. A região, outra vez, está pronta para mostrar que a beleza da Mata Atlântica é um chamariz permanente, aliada à infraestrutura que evita interferir no ambiente, proporcionando a tão sonhada tranqüilidade que os grandes centros não oferecem.

A PROPOSTA do governo não pode deixar de fora as promoções que, sabidamente, fazem parte das vocações friburguenses, incluindo acertadamente a gastronomia como mais uma atração para o período e a resposta, segundo expectativas, é a melhor possível. O slogan “Carnaval da Família”, objetiva elevar a auto-estima friburguense com atividades para todas as idades, mostrando que a permanência na cidade pode ser complementada com muitos outros atrativos para os turistas e moradores.

NUM ANO de grandes expectativas será preciso usar a criatividade sem gastar muito, oferecendo um produto que já está implantado e que, com continuidade operacional, poderá fazê-lo crescer ainda mais. A perspectiva para este carnaval, pois, é de que o setor conduza a cidade ao seu lugar de destaque no interior fluminense, atraindo mais visitantes, gerando empregos e movimentando a economia. Não custa esperar pela festa.

TAGS: