Enem registra o menor número de inscrições desde 2010

Principal acesso às universidades, exame teve 7% menos inscritos do que em 2018
sexta-feira, 31 de maio de 2019
por Jornal A Voz da Serra
Enem registra o menor número de inscrições desde 2010

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), divulgou o número total de inscrições confirmadas para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano. Até o último dia 17, quando as inscrições foram encerradas, cerca de 6,3 milhões de estudantes já haviam efetuado a inscrição pela internet. O prazo limite para a confirmação das inscrições, no entanto, só aconteceu no último dia 23, quando encerrou-se o prazo para o pagamento da taxa de R$ 85. Mais de um milhão de candidatos se inscreveram, mas não quitaram os boletos.   

Ao todo, o Enem teve 5,09 milhões de inscrições válidas totalizando isentos e pagantes. A queda dos números ficou visível no balanço oficial divulgado na última terça-feira, 28. Em relação aos anos anteriores, o Inep apenas informou a porcentagem da quantidade de inscrições no Enem.

Em 2010, apenas 4,62 milhões de candidatos foram considerados aptos a participar do exame. O percentual dos que confirmaram inscrição comparado ao total de inscrições registradas, também foi o mais baixo dentro de uma série histórica, que vai de 2016 a 2019. Em 2019, 79,8% confirmaram a participação no Enem, contra 93% registrado em 2016.

Comparativo de inscritos

O percentual de candidatos que pagaram a taxa de inscrição este ano (41,5%) superou a média do ano passado. Já em 2018 o total de pagantes foi de 31,6%. Dentro da série histórica, o exame desse ano também teve a menor taxa de participantes isentos desde 2015. Os candidatos negros integram a maior parte dos candidatos confirmados, com 46,4% autodeclarados pardos e 12,7% pretos. Brancos formam 36% do público confirmado.

Seguindo o perfil dos participantes, de acordo com o Inep, as mulheres lideram a quantidade de candidatos do Enem: 59,5%, contra 40,5% de inscritos do sexo masculino. A região Sudeste continua saindo na frente com maior percentual de inscritos: 35%. Em seguida o Nordeste, reúne 34%. O Norte vem atrás, com 12% dos candidatos; o Sul tem 11% e o Centro-Oeste, 8%. As provas do Exame Nacional do Ensino Médio acontecem de 3 a 10 de novembro desse ano.

 

TAGS: Educação