Cartinhas para o Papai Noel já estão disponíveis para adoção

Em Friburgo, Correios esperam superar os 260 pedidos atendidos no Natal passado. Assista ao vídeo
sexta-feira, 16 de novembro de 2018
por Paula Valviesse (paula@avozdaserra.com.br)

Faltam cerca de seis semanas para o Natal e os Correios já estão de portas abertas para quem quiser participar da campanha “Papai Noel dos Correios”. As cartinhas das crianças já estão disponíveis para adoção, bastando apenas ir nas agências para conhecer os pedidos e deixar o presente. Em Nova Friburgo, as cartinhas podem ser retiradas até o próximo dia 26, das 9h às 17h, nas agências da Praça Getúlio Vargas, 85, e da Avenida Hamburgo, 730, em Mury.

A expectativa para o município é superar o número de pedidos atendidos no ano passado. Segundo o coordenador de Atendimento e Vendas dos Correios, Cristian Pereira Lopes, em 2017 foram apadrinhadas 280 cartinhas. “Este ano já chegaram 50 cartinhas e vamos abrir para a adoção dos pedidos de alunos de uma segunda escola. Buscamos contemplar unidades de ensino que atendam crianças em situação de vulnerabilidade social. O projeto contempla crianças que realmente precisam de um brinquedo, às vezes esse é o único presente que elas ganham no Natal. Tomamos o cuidado de ir progressivamente ampliando o número de cartas para que nenhuma criança fique sem presente”, conta Cristian.

No município a ação das centrais destina-se ao apadrinhamento de crianças das unidades educacionais até o 5º ano do ensino fundamental, mas o projeto dos Correios contempla ainda cartas enviadas ao Papai Noel escritas por outras crianças. Nesses casos, as correspondências colocadas nas caixas de coleta ou entregues diretamente nas agências são encaminhadas para uma central de distribuição, no Rio, onde é feita a seleção das cartas, que também são disponibilizadas para adoção.

No caso das escolas, é feito um trabalho de orientação. Já as demais cartinhas devem ser endereçadas ao Papai Noel e trazer informações como nome e endereço completo; idade - uma vez que esse projeto contempla crianças de até 10 anos e pessoas com necessidades especiais independente da idade. Cristian ainda esclarece que os presentes solicitados devem ser, preferencialmente, brinquedos, roupas, calçados e material escolar e que os responsáveis podem ajudar na confecção das cartinhas.

A campanha dos Correios já existe há 29 anos. Ela surgiu da iniciativa de funcionários, que sensibilizados com os pedidos passaram a enviar presentes comprados por eles mesmos. Com o tempo a ação cresceu, sendo abraçada pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) e multiplicada por todo o país.

No município essa ação dos funcionários começou em 1995 e há cinco anos as centrais da cidade passaram a fazer parte da campanha oficial. “Quem quiser apadrinhar uma criança basta procurar a agência dos correios. Os presentes poderão ser entregues até a primeira semana de dezembro. Depois disso organizamos a entrega com uma grande festa nas escolas, com a presença do Papai Noel, para que as crianças aproveitem esse clima festivo”, conclui Cristian.

 

TAGS: Natal