Atleta friburguense de 14 anos ganha luta no Paraná e faz vaquinha para ir a Cancún

Gilberto Chermauth Filho foi classificado para o Campeonato Pan-Americano de Kickboxing que acontece no México em outubro
quinta-feira, 19 de julho de 2018
por Jornal A Voz da Serra
Pai e filho são lutadores e mostram suas medalhas (Divulgação Daniel Marcus/ PMNF)
Pai e filho são lutadores e mostram suas medalhas (Divulgação Daniel Marcus/ PMNF)

Depois de se classificar para o Campeonato Pan-Americano de Kickboxing, o jovem lutador friburguense Gilberto Chermauth, de 14 anos, está realizando uma vaquinha online (http://bit.ly/2zSONwx) para poder competir na disputa, que vai acontecer em Cancún, no México, entre os dias 23 e 28 de outubro deste ano. O rapaz precisa de R$ 8 mil para viajar.

No início deste mês, ele e o pai, também Gilberto Chermauth, foram campeões em suas categorias no campeonato brasileiro realizado em Maringá, no interior do Paraná. Gilbertinho, o filho, participou na categoria de 13 a 15 anos, acima de 69 quilos, em três modalidades: point fight, kick light e light contact. Foram seis lutas totais. No kick light foram três lutas, que renderam a segunda colocação para o jovem. Já na categoria point fight, com dois confrontos, ele alcançou a primeira colocação e se classificou para Cancún.

Gilberto, o pai, também fez bonito e trouxe a medalha de campeão na categoria point fight, para Nova Friburgo. “Foi gratificante poder participar desta competição e poder representar a nossa cidade e o estado do Rio de Janeiro. É uma chance de poder divulgar a força do nosso esporte. Fico ainda mais feliz por poder realizar tudo isso ao lado do meu filho que, desde os sete anos, me acompanha nos treinos e é um grande incentivo para eu ainda competir. Acredito que ele poderá alcançar excelentes resultados”, disse a A VOZ DA SERRA em julho.

Gilbertinho é da equipe Kickboxing da Serra e iniciou suas participações em campeonatos com apenas 9 anos de idade e após cinco anos já possui um currículo cheio de experiências em diversos campeonatos. Em 2016 consagrou-se campeão no estadual, nas modalidades light contact e point fighting e, no mesmo ano, foi vice-campeão da Copa do Brasil, também na categoria point fight, servindo como seletiva para o Pan-Americano realizado na cidade de Corrientes, na Argentina. Na 4° edição da Taça Guanabara, realizada este ano, Gilberto saiu campeão nas modalidades point fight e light contact.

“Uma experiência inesquecível na qual pude demonstrar as técnicas ensinadas por meu pai e representar, mais uma vez, a nossa cidade. Fiquei muito feliz em conseguir a classificação para o Pan-Americano, no México. Era meu desejo participar dessa competição”, afirmou o adolescente.

 

TAGS: UFC