Abertas as inscrições para a 1ª Copa Caarj de jiu-jítsu

Advogados terão até o próximo dia 9 para confirmarem presença
quinta-feira, 01 de junho de 2017
por Jornal A Voz da Serra

          A 1ª Copa Caarj de jiu-jítsu que será realizada no próximo dia 17 já está movimentando advogados e estagiários de Direito no estado do Rio. As disputas serão no Clube Municipal, na Tijuca, Zona Norte da capital, contemplando todas as categorias. As inscrições vão até o próximo dia 9 pelo site da Caarj, a Caixa de Assistência aos Advogados (www.caarj.org.br) e podem ser feitas acessando o banner da competição. O valor da taxa de inscrição é de R$ 60. O torneio, é uma parceria da Caarj com a Federação de Jiu-Jítsu Desportivo do Rio de Janeiro (FJJD-Rio).

      O advogado Marcus Vinícius Gonzaga, vice-presidente da comissão de Esportes da Subseção da OAB de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, que apoia a criação do torneio, já começou os treinamentos. “A Copa Caarj é uma iniciativa fantástica. A advocacia, infelizmente, é uma classe muito sedentária e essa competição surge como uma maneira de motivar os advogados a praticar atividades físicas e sair do sedentarismo”, afirma Gonzaga.

       Luiz Arthur Ferreira, com 57 anos, é o mais velho dos advogados a treinar jiu-jítsu, em Nova Iguaçu. Segundo o advogado, o esporte é muito um importante meio para auxiliar uma vida saudável. “Vamos ver se vou ganhar uma medalha. Mas só de poder participar do torneio e estar com a minha saúde ótima já é um ganho para mim”, diz Ferreira.

        A 1ª Copa Caarj de jiu-jíitsu terá disputas nas categorias adulto (20 a 29 anos) e master (30 a 35 anos; 36 a 45 anos; 46 anos em diante) masculino com pesos até 62, 69,  77, 85, 94, 110  e acima de 110 quilos, nas faixas branca, azul, roxa, marrom e preta.

        Já nas categorias adulto (20 a 29 anos) e máster (30 a 40 anos / 41 anos em diante) feminino terá o agrupamento nas faixas marrom/preta e azul/roxa.  As faixas brancas lutarão separadas. Para as mulheres, as categorias de peso serão até 55, 62, 70, 90 e acima de 90 quilos.

        O presidente da Caarj, Marcello Oliveira, quer estimular a integração entre os advogados e a prática de hábitos saudáveis. "Pelo Brasil inteiro, campeonatos das mais variadas modalidades estão sendo realizados. A Caarj integra esse movimento nacional e quer estimular a participação dos nossos atletas, advogadas e advogados. A primeira Copa de Jiu-Jítsu faz parte desse trabalho", diz Oliveira. O torneio também tem como objetivo identificar possíveis competidores para representar o estado do Rio de Janeiro em torneios nacionais e internacionais para advogados.

TAGS: esporte | jiu-jitsu | Advogados